Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Parte 1 (1/2) Isabelly Blanch 209 18/06/2017 às 21:24:38
DCAT 5º ANO: AMIGA É PARA ESSAS COISAS… Lara Lynch 2969 17/07/2016 às 04:16:34
Passado? Parte 2 Steffano Di Facchini 2881 09/07/2016 às 20:29:55
Passado? Parte 1 Steffano Di Facchini 2891 09/07/2016 às 20:28:44
Chegando em Kosice Steffano Di Facchini 2890 09/07/2016 às 20:27:07

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: webmaster@zonkos.com.br

Inglaterra Anne Beatrice Mountbatten [ 16340 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Anne Beatrice Mountbatten
  • Professor Durmstrang

  • Professor Durmstrang

  • NOME COMPLETO

    Anne Beatrice Elizabeth Mary

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,77m

  • PESO

    56kg

  • OLHOS

    Verde Claro

  • CABELOS

    Loiro Claro

  • SEXO

    Feminino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    29 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    08/08/1986

  • SIGNO

    Leão

  • NOME DO PAI

    Andrew Albert Christian Edward

  • NOME DA MÃE

    Sarah Margaret Ferguson

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Londres/Inglaterra

  • NÍVEL

Eu poderia me estender por linhas e linhas, a fim de dissertar sobre minha família, a importância que ela possui, os escândalos midiáticos, os inúmeros segredos que permeiam nossas vidas – sendo uma delas a magia que corre em nosso sangue – dentre outras peculiaridades que cercam a Casa Windsor a qual pertenço e que, oficialmente, carrego no sobrenome. Seria até mesmo divertido fazê-lo, visto a imagem que esta tão nobre família possui dentro da mídia trouxa, contudo, reterei este impulso e limitarei os detalhes aqui escritos à minha pessoa e apenas a ela – o que significa, naturalmente, que toda a pompa aqui apresentada será também amenizada.


Meu nome: Anne Beatrice Elizabeth Mary. Minha importância: ser a sétima na sucessão do trono britânico. O grau de relevância desta importância para o mundo: por experiência, alguma. O grau de relevância desta importância para mim: nenhuma, além das pessoas que carrego e da possibilidade de poder ajudar alguns indivíduos – afinal, por favor, não estamos falando da sétima posição na fila do teatro, mas na sucessão de uma coroa (o que envolve, caso alguém não saiba, o prazo de vida de todos os indivíduos anteriores). O que é relevante para mim: a vida que, apesar de todas as tramas nobres, eu consigo levar dentro e fora do universo mágico.


Tendo estes pontos esclarecidos, como antes dito, sim, sou uma bruxa. Tardei a demonstrar meus poderes, o que trouxe dúvida entre a família de minha capacidade, mas quando o fiz, aos sete anos devido à separação de meus pais, foi, literalmente, um estouro – de um dos lustres de minha residência, sendo mais específica. À parte deste pequeno episódio familiar e da irrelevante divisão que isto causou, minha vida foi deveras “normal”, considerando-se a pompa e cuidado que a nobreza oferece, somada à vida de aparências e falsidades. Uma parte que muito me incomoda, admito, mas que posso me considerar sortuda por ver quebrada pela minha amizade sincera, próxima e de longa data com Noëlla da Bélgica e Kalet de Mônaco.


Devido às formalidades da família, convivo com ambos desde os quatro anos e por sermos da mesma idade, a proximidade foi inevitável. A intimidade e confiança mútua, contudo, apenas surgiu após a morte do pai de Kalet que, apesar de um acontecimento terrível por si só, trouxe consigo a oportunidade para que, após dias juntos, estreitássemos nossos laços, tornando-nos amigos inseparáveis que, mesmo com a distância, nunca deixavam de se comunicar – e pobre das corujas reais. Lembro-me com diversão o quanto me revoltei por, devido à tradição, não poder ir para Beauxbatons junto dos dois e o quanto Hogwarts e a Grifinória pareciam sem graça em meu primeiro ano.


Naturalmente que sendo eu dona de um espírito, digamos, indomável – para não dizer impossível –, consegui levar isso passada a primeira animosidade, aproveitando cada ano enquanto desbrava a vida em Hogwarts junto de colegas dos mais variados. Nos estudos, devido a um leve problema de dislexia, a princípio não me saia tão bem, especialmente na execução de feitiços. No entanto, com o incentivo de meus melhores amigos e um pouco de força de vontade, sobrepujei este revés, a ponto de, no sétimo ano, ser até mesmo escolhida como monitora-chefe – o que até hoje imagino ser um ato de insanidade pelo diretor da época, visto que de exemplar existiam apenas minhas notas – e finalizar Hogwarts com os louvores necessários para seguir qualquer carreira.


Após isto, optei por me dedicar aos conhecimentos trouxas, à vida dos “comuns” e o desbravar do mundo vasto e aproveitável que me cercava. Então, prestes a completar vinte sete anos, em parte por influência familiar, vejo-me puxada de volta ao mundo mágico, a fim de também tentar ganhar algum reconhecimento neste universo que, apesar de familiar, tem tantos mistérios a serem explorados e tantas possibilidades para diversão, seja para mim mesma, seja para mim mesma com relação a outrem. Afinal, como bem me ensinou um brasileiro que certa vez tive a oportunidade de conhecer, “the zueira never ends”.



Este perfil já foi visualizado 1.613 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 22/12/2016 às 03:52:12