Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Parte 1 (1/2) Isabelly Blanch 918 18/06/2017 às 21:24:38
DCAT 5º ANO: AMIGA É PARA ESSAS COISAS… Lara Lynch 3693 17/07/2016 às 04:16:34
Passado? Parte 2 Steffano Di Facchini 3585 09/07/2016 às 20:29:55
Passado? Parte 1 Steffano Di Facchini 3569 09/07/2016 às 20:28:44
Chegando em Kosice Steffano Di Facchini 3598 09/07/2016 às 20:27:07

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: webmaster@zonkos.com.br

Portugal Nathan Ferraz [ 16694 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Nathan Ferraz
  • 6° Ano Morrigan
  • 6° Ano Morrigan

  • NOME COMPLETO

    Nathaniel De Magalhães Ferraz

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,64m

  • PESO

    62kg

  • OLHOS

    Azul Claro

  • CABELOS

    Verde Intenso

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    16 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    12/03/1999

  • SIGNO

    Peixes

  • NOME DO PAI

    Hermínio Ventura Ferraz

  • NOME DA MÃE

    Palmira Barros De Magalhães

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Mestiço

  • LOCALIDADE

    Beauxbatons

  • CIDADE/PAÍS

    Coimbra/Portugal

  • NÍVEL

Olá, Nathan! Como vai? Hoje é sua primeira sessão, então que tal começarmos com você me dizendo o que sente? Conte-me o que te aborrece…

Não. Essa vai ser a única vez que falarei por mim mesmo nos textos, então quem quer que leia isso, só darei um aviso: aproveite bem! Dito isso, vou contar o que tenho pra contar, e talvez você vai entender o que eu entendo sobre as coisas que acontecem na minha vida.

Atualmente tenho quinze anos. Repeti o quarto ano, grande coisa… Não é como se fosse algo importante ou sei lá o quê. Eu não ligo, pra ser sincero. Aliás, ninguém liga. O mundo gira em seu próprio benefício, as pessoas que acham que o destino as presenteia com alguma condição extraordinária que as faz escolher coisas, etc. No fundo, ninguém liga a mínima se eu repeti, se eu estudo, ou se eu faço nada o dia inteiro em Beauxbatons……. Não, mentira. Minha mãe liga.

Vou te contar o que acontece com a minha mãe.

Eu nasci com problemas. É, problemas. Faz parte do mundo a pessoa ter problemas. Nasci com algumas deficiências de saúde, prematuro, estranho, blá blá blá. Parece que a família do meu pai não tem os genes bons… E pra melhorar, eu sou o filho caçula de cinco irmãos. Meus pais já tem idade também, então soma dois mais dois e dá… Dá isso. Por causa disso, junto do fator de que meu pai sofre com uma doença progressiva e violenta, eu tenho esse tratamento bizarro.

Minha mãe quer que eu seja um gentleman, mas eu não quero ser gentleman. Eu entendo todo a preocupação, amor, etc, que ela tenha por mim, só que o mundo é filho da mãe. Ele vai tentar me tirar dele no dia seguinte, então por que não viver o presente? Por exemplo, meu pai pode morrer a qualquer instante! O que ele devia fazer? Comer uns doces, tomar uísque de fogo, aproveitar aquilo que gosta e pronto! Se ele morrer amanhã ele saberá que curtiu tudo o que poderia.

Mas voltando pra mim. Minha família me trata desse jeito e, pra variar um pouco, são bem de grana. Pelo menos é o que a minha mãe gosta de mostrar pro mundo, porque eu sei que estamos quebrados. Talvez seja por isso que ela queira que eu vire um daqueles caras que ficam cortejando as meninas de família importante ou sei lá o quê. Desculpa, mãe, mas esse navio não vai zarpar. Então, para variar um pouco, gosto de fazer aquilo que me der na telha. E por esse único motivo, faço o que faço.

Também tenho umas condições estranhas no corpo. Eu consigo mudar a cor do cabelo e agora tá evoluindo pras unhas. Não que eu goste de unhas coloridas, mas seria engraçado deixá-las roxas só pra ganhar aquela poção analgésica muito louca que te deixa dopado e dormindo o dia inteiro… Pelo menos eu não teria que ir na aula da Clarisse Pré-Histórica. Isso, segundo meus pais, foi herdado do meu tataravô por parte de mãe que era metamorfomago e deixou isso pra mim. Certeza que ele queria que eu fosse algum tipo de herói. Que pena que sou o anti. UHEUHEUHE BRBR.

É isso galera! Até mais ver!

… E tem um negócinho no seu rosto aqui, deixa eu tirar pra você. *passa tinta* Saiu. Melhorou!



Este perfil já foi visualizado 703 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 11/09/2016 às 22:50:27