Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 173 22/11/2018 às 21:19:24
É LUFA - LUFA!! Venus F. Rossa 728 08/09/2018 às 21:24:13
Indo para Hogwarts! Venus F. Rossa 478 08/09/2018 às 21:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 475 08/09/2018 às 12:11:11
Fênix de Odin Lilith Ambrew 529 28/08/2018 às 01:09:34

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Wohnungstausch [Casa de Câmbio]

Wohnungstausch [Casa de Câmbio]

MensagemUniao Europeia [#147977] por Guardião Internacional » 16 Mai 2015, 11:38

  • 4 Pts.
  • 13 Pts.
  • 149 Pts.
Imagem

Local onde se pode fazer transições de moedas de todos os países trouxas, bem como os famigerados galeões, sicles e nuques. Trata-se de um edifício trouxa comum, construído em pedra no início do século e que sofreu alterações mínimas com o passar do ano. Em todos os aspectos, é um lugar totalmente não-mágico, embora vez ou outra se possa vislumbrar alguma coisa peculiar no interior dos cofres fortemente protegidos que localizam-se no subsolo da avenida principal de Vaduz.

Para os curiosos, todos os funcionários são humanos, ou pelo menos aparentam ser...
Guardião Internacional
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 19 de Oct de 2014
Últ.: 27 de Dec de 2016
  • Mensagens: 115
  • Nível:
  • Raça: Outros
  • Sexo: Macho

Rolagem dos Dados:
  • 4 Pts.
  • 13 Pts.
  • 149 Pts.

Postado Por: Guardião Internacional.


Re: Wohnungstausch [Casa de Câmbio]

MensagemCanada [#178316] por Raegan Baldwin » 03 Ago 2017, 19:10

  • 13 Pts.
  • 14 Pts.
  • 144 Pts.
    The future’s got me worried, such awful thoughts
    My head’s a carousel of pictures; the spinning never stops


    Há momentos na vida em que você precisa tomar decisões importantes. Momentos em que um único segundo faz toda a diferença, e um único minuto é o suficiente para mudar tudo. Naquela manhã, Raegan tinha a terrível sensação de que aquele era um daqueles dias: um dia que apenas se parecia como qualquer outro, mas na verdade escondia possibilidades terríveis. Por alguns momentos, pensou em ficar ali, deitada em sua cama, descansando, deixando que a preguiça consumisse e as preocupações fossem embora. Mas esse momento logo passou; lembrou-se do que aconteceu duas semanas antes, na saída de um jogo entre times famosos, e suspirou. Não podia deixar aquele acontecimento de lado, era seu futuro que estava em jogo, sua posição na família, seu maior segredo. Mesmo que estivesse com medo, e a verdade é que nem dormiu à noite por conta desse medo, não era tola de não lidar com a situação, nem burra de pensar que ela se resolveria sozinha.

    Por isso, partiu para o chuveiro. O frio fez com que tremesse os ossos, o inverno rigoroso do Canadá não mais um costume dada sua estadia na quente e pacata Irlanda do Norte, mas deixou de lado os pensamentos, preferindo que a temperatura quente da água levasse embora não a sujeira do corpo e diminuísse os ferimentos espalhados, como também enxaguasse algumas das preocupações. Ao fim, não demorou para pegar a toalha, enrolando-se ali, como faria num dia qualquer, procurando os poucos itens trouxas que se encontravam naquela mansão. Seu pai, um homem rigoroso em seus ideais puristas, nunca deixaria que a filha mantivesse itens modernos se soubesse; mas seu quarto era à prova de som, e ele nunca ouviria o silencioso secador, muito menos a música que escapava do celular. Sorriu para si, ela era muito boa no que fazia, uma estrategista, ainda que sem um pingo de magia nas veias.

    Logo em seguida, partiu para o quarto. Vestiu-se, feliz com o casaco pesado, um alívio bem-vindo em relação ao frio de menos de -15C, ainda que o lugar para onde isso, segundo o celular (e o wifii oculto), estivesse apenas em -4C. Ao final, se sentia pronta para ir para a guerra. Só faltava um único item: Um par de óculos escuros, suficiente para torná-la um tanto irreconhecível. Depois, agarrou a carta que tinha em mãos e partiu para a lareira, contente que conseguia usar pó-de-flú e se transferir justamente para a Europa (passagem essa que, segundo suas contas, só ficaria aberta por duas horas; teria de voltar de avião).

    ***


    – Ethan. – Deixou que o som escapasse de seus lábios, quase um sussurro, mas claro o bastante para que ele compreendesse. Primeiro, observou o lugar onde tinha marcado aquele encontro; atrás do banco onde aconteciam negociações de moeda bruxa para trouxa, altamente frequentado, mas discreto nos entornos. Depois, o homem. Um jogador de quadribol famoso, sabia, ela mesma já foi assistir a vários jogos que ele participou, e logo seriam adversários em campo; não sabia o que esperar dele, se perigo ou compreensão, se negócio ou batalha, mas fosse o que fosse teve a sensação que seria uma conversa complicada. Ele tinha informações sobre ela que nem uma única pessoa tirando sua família deveria saber, e ela tinha informações sobre ele que o mesmo se aplicava. Tudo por conta do final de uma maldita partida, um ataque extremamente aleatório por alguns fãs fanáticos em que ela, a irmã e, aleatoriamente (ou não), Ethan, tiveram de se defender. Ela, é claro, correu para fora; o motivo, se ele fosse inteligente, ficaria claro. E ela notou coisas que a irmã, preocupada em se defender, nunca teria notado.

    – Fico feliz que tenha vindo. Não acho que terminaria bem, para nenhum de nós, caso o contrário acontecesse. – Sorriu, tranquila, mesmo que por dentro estivesse nervosa demais para conseguir expôr; não era doce e ingênua como a irmã podia ser, mas também não se via como demasiadamente agressiva. Ela era a rebelde, a que enfrentava as coisas de frente, e por muito tempo foi que a que fazia antes de pensar. Já na atualidade, precisou mudar, ou teria sido seu fim no Mundo Bruxo, pois descobririam com facilidade sua condição de não-bruxa. – Bom, eu tenho informações sobre você, você tem informações sobre mim… O que faremos sobre isso? – Jogou, direto ao ponto, caminhando um pouco para trás, já formando estratégias sobre o que faria caso fosse atacada.


    Com: Ethan (vamo que vamo, rafa)
    Vestindo: Isso
Raegan Baldwin
Avatar do usuário
 
Reg.: 26 de Jul de 2017
Últ.: 15 de Mar de 2018
  • Mensagens: 18
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 13 Pts.
  • 14 Pts.
  • 144 Pts.

Postado Por: Mah.



Voltar para Liechtenstein

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes