Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 3016 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 2490 22/11/2018 às 18:19:24
É LUFA - LUFA!! Oh Ha Na 3580 08/09/2018 às 18:24:13
Indo para Hogwarts! Oh Ha Na 2680 08/09/2018 às 18:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 2608 08/09/2018 às 09:11:11

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

ZeroSum NightClub - Moscou

Re: ZeroSum NightClub - Moscou

MensagemEstados Unidos [#194664] por Damien Morris » 29 Set 2019, 20:38

  • 17 Pts.
  • 16 Pts.
  • 122 Pts.
Imagem


The Bartender


Trabalhar em uma casa de show noturna era uma coisa, no mínimo, esquisita. Sim, esquisita. Existiam vários postos, várias profissões exercidas dentro da boate, mas... Por algum motivo estranho, todas as pessoas achavam que os funcionários estavam ali única e exclusivamente para atender seus prazeres e fetiches esquisitos. Muito esquisitos, diga-se de passagem. Após atender um home que estava claramente o cantando, Damien começou a tremer um pouco. Ele era desajeitado e não sabia bem como lidar com situações como aquela. Nunca soubera. Sem contar que era desastrado. Nervoso como estava deveria quebrar metade dos copos os quais deveria limpar se não prestasse atenção.

Atenção. Atenção era uma coisa que lhe rareava nos últimos meses. Estava na reta final da faculdade e já trabalhava ali desde os dezenove anos. Agora ele tinha vinte e três. Era medibruxo residente do Instituto de Durmstrang durante a semana e continuava com seu emprego de sexta até domingo e segunda ele estava na chaminé da diretora para começar tudo outra vez. De dia ele cuidava dos alunos, de noite ele voltava para a chaminé para ir até as duas faculdades que fazia para estudar. Dormir? Dormir pra quê? Ele cochilava entre um atendimento e outro e na própria casa de festas quando ela fechava após sair o último cliente ao amanhecer.

Fato era que seu pequeno apartamento alugado em Moscou não via uma vassoura havia muito tempo. Na verdade, o local não via sua cara havia muito tempo. Darien sempre lhe dizia que precisava de férias. Que parecia pálido e acabado nas ligações via espelho de duas faces, mas Damien não queria descansar. Ele tinha um objetivo e só iria descansar depois de o alcançar. Ele seria um excelente medibruxo e um médico trouxa ainda melhor. As duas especialidades eram complementares. Damien nunca iria conseguir entender por que raios as especialidades eram ensinadas de modo separado se eram tão complementares?

Era nisso que ele pensava enquanto bocejava e limpava um dos copos de cristal mais caros que tinha dentre os que precisavam ser limpos. A flanelinha azul estava enrolada em sua mão quando ela entrou e caminhou em sua direção. Ele a reconheceu na hora e sentiu que havia levado um soco no estômago. O ar estava escapando de seus pulmões como se os dois órgãos tivessem sido furados com uma agulha especialmente afiadas e longas. Era um balão de gás. E estava vazando. Colocou o copo em cima do balcão antes que o quebrasse ou algo do tipo. Seu salário estava perfeitamente contado aquele mês, não teria como arcar com os gastos se tivesse de pagar por algo que tivesse quebrado. De novo.

Kelsey Hayes era de sua turma em Ilvermorny. Era da Horned Serpent, assim como ele. E havia passado pelo seu primeiro sétimo ano. Por aquela vergonha indescritível pela qual Matthew o fizera passar. Espalhara aquelas... Aquelas coisas sobre ele e ainda fingira que o amava... Quanta humilhação! Damien tinha uma crise nervosa todas as vezes em que encontrava com ex colegas de escola. O que diabos ela estava fazendo ali na Rússia? Mas ela estava em uma conversa bastante animada com o rapaz que entrara com ela. Talvez, se ele apenas os servisse quietinho, ela não o reconhecesse. Já tinha se passado alguns anos, certo? Ele se virou de costas para organizar algumas garrafas, mas sentiu que alguém o cutucava. Ok. Ele tinha de se virar e começar seu atendimento silencioso para que ela não o reconhecesse. Mas...

Mas ele estava perfeitamente paralisado e nervoso. Ela o reconheceu assim que ele se virou e tudo o que ele queria era que o chão se abrisse e a terra o engolisse. As coisas começaram a rodar e ele precisou se apoiar no balcão. Sorriu amarelo para ela. — K-k-kelsey! Há quanto tempo! — Ele tentou de verdade parecer animado, mas estava realmente mal naquele segundo. E se... E se ela tocasse no assunto? — Está perdida pela Rússia? — Talvez se ele conduzisse o assunto ele não chegasse naquele âmbito que ele tanto temia.


Damien veste isto.
Em resposta a: Kelsey Hayes.

Aberto a interações.
Imagem
Damien Morris
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Eddie Redmayne
 
Reg.: 30 de Jan de 2019
Últ.: 11 de Nov de 2019
  • Mensagens: 31
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 17 Pts.
  • 16 Pts.
  • 122 Pts.

Postado Por: Pinscher.


Re: ZeroSum NightClub - Moscou

MensagemTailandia [#195060] por Malai J. YaoYun » 11 Nov 2019, 17:53

  • 6 Pts.
  • 15 Pts.
  • 113 Pts.
Imagem

I want to watch you bleed. You're the crime but I'm the scene
Back against the wall so Its kill or be killed, no other choice then bloods gonna spill.


:::::::::::::::::::::::::::::


A jovem tailandesa havia se acostumado com aquela pequena rotina. Uma nova, e melhor, rotina. Trabalhos, a casa, a convivência com David, tudo isso era bom para ela. A cada dia aprendia coisas novas, como a se defender melhor, o idioma que não tinha tanta familiaridade. O homem, que agora era seu amigo, a ajudava, até mesmo com seu vício. Não importava para onde iriam na próxima semana ou meses, ele sempre encontrava um modo ir no encontros que ajudavam dependentes químicos. O americano também a havia ajudado e ensinado sobre o que eram e como evitar problemas, afinal, nenhum dos dois era registrado. Parando para pensar, a jovem nem mesmo tinha qualquer documento se não os falsos que ganhou a cada missão. Ela não existia, provável que sua mãe achasse que ela havia morrido a anos. E não era essa a verdade?

Contudo, aquilo foi deixado de lado pela jovem, que agora detinha os cabelos pintados de um tom castanho tão claro que, dependendo da luz, parecia loiro quando chegaram próximo ao local da nova missão. Como havia planejado ao lado de Stewart, ela seria a isca para atrair o alvo. A jovem sabia que o amigo não gostava muito quando ela se usava daquele modo como chamariz, para falar a verdade, muitas vezes ela tivera a impressão que, apesar de ter a aceitado como sua parceira, ele não gostava da ideia de tê-la ali, naquelas tarefas. YaoYun não se importava, o sangue em suas mãos? Ser condenada a algum inferno existente? Ela alguma vez acreditou em algum Deus ou Deuses? Eram coisas que ela havia abandonado a tanto tempo que nem sabia responder qualquer coisa sobre isso. Do mesmo modo, a morena não achava que estava fazendo algo ruim trabalhando ao lado de David. Pelo contrário, lhe dava um propósito. Uma forma de pagar aquela dívida que havia arranjado.

Assim, sendo, continuando, não houve discussão desse assunto, eles apenas adentraram o estabelecimento, música chegando aos ouvidos de ambos, assim como vozes e risadas. A missão dessa vez fez com que eles chegassem na Rússia, era uma língua que ela tinha nenhum entendimento, mas ao que parecia, havia muitas vozes falando em inglês, algo que a aliviou um pouco. Ao menos poderia tentar se misturar.
— Irei para o bar, não se preocupe, vou ficar bem, qualquer coisa eu dou o sinal. — falou de modo simples, suas voz cheia de sotaque, antes que ele pudesse responder ela se virou e caminhou para o bar, sentando-se ali. Ela não pediu bebidas, preferia evitar, mas talvez devesse apenas para disfarçar. Aquilo a preocupa, no entanto, acabou por deixar de lado, apenas se distraindo e observando o local. Sua aparência não a denunciava, parecia apenas uma jovem que havia saído para se divertir.

No entanto, um cheiro diferente a fez ficar alerta, a, então loira, conhecia o cheiro dos lobisomens e por passar tanto tempo com David havia se acostumado ao dele, mas aquele que sentia era diferente. Aquilo a fez imaginar se o amigo notara isso, que havia um deles naquele lugar. Ela decidiu não procurar a origem, não poderia, tinha que continuar sua atuação. Tinha que ser a jovem esperando alguém para um encontro, quando para sua surpresa, o barman ruivo se aproximar lhe entregando uma bebida.
— Eu não pedi nenhuma. — a jovem disse, o seu sotaque transbordando em cada sílaba proferida. Para sua surpresa, o rapaz, que não parecia muito mais velho que ela, explicou que haviam mandando para ela, fazendo com que ela se virasse na direção que o ruivo apontou, o cheiro a atingindo.

Malai observou atentamente o homem sentado não muito distante dela, era ele que tinha aquele cheiro. O cheiro de um lobisomem, será que por isso que ele havia feito aquilo? Ela não sabia o que responder, pensar ou agir, apenas o olhando, notando-o sorrir ao desviar o olhar. Sua vontade era de se virar para David, porém não podia, não poderia chamar atenção do alvo para o americano, por isso decidiu lidar por si mesma, pegando o copo em uma de suas mãos e o erguendo a encarar o homem misterioso com um sorriso de canto.

YaoYun tinha que agir como uma jovem procurando se divertir. E era isso que iria demonstrar, apenas esperava que aquele lobisomem fosse o alvo ou muito menos atrapalhasse.


WEARING • This!| MUSIC • Kill Or Be Killed — New Years Day
|
TAGGED • Arthit J. Yaoyun;| WITH • David Stewart; Noctis Blackwood;
Imagem
Malai J. YaoYun
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Lalisa Manoban
"When you spend so long trapped in darkness, you find that the darkness begins to stare back."
 
Reg.: 14 de Nov de 2017
Últ.: 10 de Nov de 2019
  • Mensagens: 6
  • Nível:
  • Raça: Lobisomen
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 6 Pts.
  • 15 Pts.
  • 113 Pts.

Postado Por: Dandy.


Anterior

Voltar para Agência de Empregos

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante