Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Felicidade Jian-Yin Lee 1847 23/05/2020 às 22:05:02
Recomeço Jian-Yin Lee 4198 13/03/2020 às 16:50:15
22/02/2020 Duncan Cullen 4604 22/02/2020 às 15:27:50
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 8537 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 8027 22/11/2018 às 18:19:24

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Kremmlin Platz

Moderadores: Conselho Internacional, Confederação Internacional dos Bruxos, Special Confederação Internacional dos Bruxos

Re: Kremmlin Platz

MensagemJapao [#197088] por Izumi Miyamoto » 23 Fev 2020, 03:21

  • 17 Pts.
  • 10 Pts.
  • 160 Pts.
Still I call it magic
When I'm next to you...


    Seu coração estava acelerado e sua respiração também. Estava diante de Damien depois de tanto tempo. Izumi sentia saudades de absurdamente tudo e no instante que ouviu a voz dele, fechou os olhos por alguns segundos. Aquela situação era realmente real e ele estava perto do americano de novo. Até riu da resposta dele ao seu comentário. — Congestionado e lindo… dá no mesmo. — O medibruxo refez sua fala, notando o quanto o ruivo estava tímido. O americano demorou para olhar para seu rosto, mas, quando o fez, foi de maneira rápida. Também comentou que o Miyamoto continuava bonito e não havia mudado nada. — Eu digo o mesmo de você. Na verdade, acho que você cresceu mais… o que é um absurdo. — Respondeu, sentando-se ao lado dele no banco no instante que Damien recolhera um pouco mais a perna.

    A cada instante em que respirava, saía um pouco de fumaça de seu nariz. Mas, aquilo não lhe incomodava. Entretanto, não podia dizer o mesmo de Damien que aparentava estar com frio. — E também acho que mais sardas apareceram em seu rosto. Vai ver, elas são seus cabelos brancos por cuidar das crianças de Durmstrang. — Um breve riso escapou de seus lábios. — O que não deixa de ser algo encantador. — Disse, mantendo o sorriso em seu rosto. Ficou alguns segundos em silêncio, observando a quietude do americano. Devagar, a mão de Izumi alcançou a mão de Damien. — Olha para mim. — Pediu carinhosamente e entrelaçando seus dedos aos dele.

    O Miyamoto entendia muito bem aquela reação de Damien. Este levara meses para responder a primeira correspondência que Izumi havia lhe mandado após os anos que ficaram sem contato. Ele sabia que pessoalmente seria algo mais intenso e não iria desistir por causa disso. Esperou por cinco anos, não? Podia esperar por mais, sabia disso, seus sentimentos demonstravam isso. — Está frio demais para você aqui. Não acha melhor irmos para um local mais aquecido? — “E me deixar te esquentar?”, o nipônico queria completar, mas, se segurou e aguardou a resposta.

    O polegar de Izumi circulava pelas costas da mão de Damien, massageando a sua pele com carinho. Apenas aquele toque já estava valendo por todo o encontro e queria poder falar isso para ele, mas, precisava de uma reação antes. Ele baixou a cabeça e suspirou profundamente, antes de olhá-lo outra vez. Aqueles lábios… havia esperado tanto tempo para vê-los. Continuavam com a mesma maciez? Continuavam com o mesmo sabor? Ele mal podia esperar pela oportunidade de tomá-los para si. Por quê? Porque sim, eram de Izumi e ele tinha todo o direito de pensar e ansiar por aquilo.


With: Dam. | Wearing: This! + Cachecol
Imagem


Spoiler: Mostrar
Imagem
Izumi Miyamoto
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Park Hyung Sik
 
Reg.: 20 de Dec de 2018
Últ.: 14 de Jul de 2020
  • Mensagens: 166
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 17 Pts.
  • 10 Pts.
  • 160 Pts.

Postado Por: Lay.


Re: Kremmlin Platz

MensagemEstados Unidos [#197092] por Damien Morris » 23 Fev 2020, 11:35

  • 20 Pts.
  • 18 Pts.
  • 101 Pts.
Imagem


Either way I don't wanna wake up from you…


Damien conseguia ouvir com clareza as batidas do próprio coração. Será que Izumi também podia ouvir — além de ver — o quão nervoso ele estava? Ele não queria parecer mais bobo do que era na verdade, mas o caso era que se sentia com doze anos novamente. Apaixonado e tímido. Preocupado com o que o objeto de sua adoração estava pensando dele. Da última vez que aquilo havia lhe acontecido acabou se ferrando muito. Não queria repetir aquele inferno. Mas Izumi não era como Matt. Izumi havia lhe esperado por cinco anos assim como Damien havia lhe esperado pelos mesmos cinco anos.

Sentiu a mão dele se aproximando da própria e seu coração parou por alguns segundos. Ele se esqueceu de como se fazia para respirar. E então veio o pedido. Izumi queria que ele o olhasse. Fazer algo tão simples nunca lhe parecera tão difícil. Ter o rosto de Izumi assim tão perto do dele o fez corar ainda mais intensamente. Os lábios de Izumi eram convidativos e seus olhos negros como um céu em meio a madrugada pareciam prendê-lo em uma espécie de feitiço onde tudo o que Damien conseguia fazer era alternar seu olhar dos olhos aos lábios e dos lábios aos olhos. Parecia uma cena clichê de novela ou filme de comédia romântica.

Ele queria dizer algo. Ele precisava dizer algo. Mas tinha medo. Medo de estragar tudo. Medo de dizer a coisa errada. Medo de se entregar demais e acabar se machucando. O polegar de Izumi circulava a pele das costas de sua mão e aquilo era simplesmente bom demais para ser real. — As crianças... Er... As crianças de Durmstrang são meio loucas. Mas adoro cada uma delas. Queria poder ajudá-las mais, sabe? Tem pelo menos 7 suicidas diferentes para cada dez atendimentos que eu faço... — “E isso acaba sendo um baita gatilho para mim”, ele queria completar, mas não o fez. Sentiu que não havia necessidade de preocupar Izumi com relação a ele próprio. Ele estava indo bem e não queria de jeito nenhum ter de abandonar suas crianças.

A conversa não parou por aí e Izumi perguntou se poderiam ir para um lugar mais aquecido. Damien assentiu com um sinal de cabeça. Ele morava bem próximo a praça e não veria problema em levar Izumi até seu apartamento. Havia pedido uma comida especial em um dos restaurantes mais bem falados da redondeza (e que não era muito caro, importante ressaltar) e trariam a comida no horário combinado que não estava assim tão distante. — Eu pedi um jantar... E moro bem ali na esquina... Se quiser podemos ir pra lá. — Esperava não ser mal interpretado. Aquela seria noite de ceia e estava feliz por passar um momento tão importante com Izumi. Depois de tanto tempo. De tantos anos. — Quando der meia noite vou precisar fazer uma ligação de espelho para minha família. Se você não se importar... Queria que participasse dela também. Tenho certeza que Darien vai adorar te ver. E... Ele ficou de me apresentar ao namorado dele. O tal Norris vai passar o natal na casa da minha família. — Comentou com sinceridade ainda esperando a resposta dele sobre irem para sua casa de uma vez.


Interação com: Izumi MIyamoto
Imagem



Spoiler: Mostrar
Imagem


Spoiler: Mostrar
Imagem
Damien Morris
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Fionn Creber
 
Reg.: 30 de Jan de 2019
Últ.: 14 de Jul de 2020
  • Mensagens: 86
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 20 Pts.
  • 18 Pts.
  • 101 Pts.

Postado Por: Nick/Pinscher.


Re: Kremmlin Platz

MensagemJapao [#197335] por Izumi Miyamoto » 02 Mar 2020, 02:28

  • 13 Pts.
  • 20 Pts.
  • 81 Pts.
Still I call it magic
When I'm next to you...


    Demorou alguns segundos para que Damien atendesse ao seu pedido e isso fez com que Izumi se perguntasse se havia feito algo de errado. Mesmo indo com calma e sabendo que o ruivo tinha sua inseguranças. Mas, a espera valeu à pena. Assim que os olhares de ambos se encontraram, um sorriso nasceu nos lábios do Miyamoto. Os rostos estavam tão próximos que ele precisou se segurar muito para conter seu impulso de agarrá-lo ali mesmo. As mãos de Izumi continuaram unidas a do americano enquanto ele começava a falar. Pelo jeito, o nipônico havia tocado num assunto que empolgava o mais novo: seus pacientes.

    Ele deu uma suave risada ao ouvir a resposta de Damien, porque entendia um pouquinho do que ele passava. Mas, estava adorando ver o quanto Damien estava gostando da profissão que estava exercendo. Izumi queria saber de absolutamente tudo. Faculdade, trabalho, estágio da residência e outra gama de assuntos a respeito dele. Foram cinco longos anos longe. — Só lidei com um caso assim na escola esse ano, é complicado mesmo. — Disse, dando um suspiro pesado que saiu um pouco de fumaça de seu nariz. — Lá em Hogwarts as crianças costumam ficar mais resfriadas ou com dor de cabeça. — Comentou, ainda acariciando a mão de Damien que não estava tão quente quanto a sua. Ele não estava sentindo todo aquele frio que o americano sentia e estava preocupado com isso.

    No momento em que Damien concordou em saírem dali, o Miyamoto também assentiu com a cabeça e se sentiu mais aliviado. Mas, a continuação da resposta fez com que Izumi ficasse sério. — Pensei que ia me deixar cozinhar para você. — Comentou, fingindo estar muito indignado. Mas, logo sorriu largo outra vez e ele desejava muito não estar demonstrando malícia ao concordar com o convite de ir para a casa dele. Não que Izumi não estivesse a fim, ele estava. Um pouco. Mentira, ele estava muito interessado, mas, tinha de ir com calma. Não queria assustá-lo de modo algum. — No dia que for lá em casa, vou cozinhar para você todos os dias. — Aquilo já fora assunto de uma das correspondências de ambos e ele estava um tanto otimista. — Bom, a gente pode revezar também… eu posso pedir comida árabe. Você gosta de comida árabe? — Perguntou, notando que estava falando demais e respirou fundo. — Desculpe. — Disse, fechando os olhos. Sentia que estava estragando tudo.

    Até porque, Damien havia falado mais coisas e havia acabado desconversando, o que podia ser visto como falta de interesse, mas, não o era. — Ligue para a sua família meia noite, por favor. Conheça o namorado do seu irmão. Não vai me incomodar em nada, eu que espero não atrapalhar. — Izumi apertou um pouco mais as suas mãos contra as de Damien e fez o que estava querendo fazer desde que se sentara naquele banco. Colou seus lábios ao dele, dando um selinho demorado. Aproveitou a mão que estava livre para tocar no rosto do americano, aumentando um pouquinho a intensidade do beijo. Mas, precisava soltá-lo. — Vamos? — Disse, abrindo os olhos devagar. Izumi queria que Damien entendesse que teria muito mais daquilo se saíssem dali o quanto antes.


With: Dam. | Wearing: This! + Cachecol
Imagem


Spoiler: Mostrar
Imagem
Izumi Miyamoto
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Park Hyung Sik
 
Reg.: 20 de Dec de 2018
Últ.: 14 de Jul de 2020
  • Mensagens: 166
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 13 Pts.
  • 20 Pts.
  • 81 Pts.

Postado Por: Lay.


Re: Kremmlin Platz

MensagemEstados Unidos [#197343] por Damien Morris » 02 Mar 2020, 14:53

  • 1 Pts.
  • 19 Pts.
  • 37 Pts.
Imagem


Either way I don't wanna wake up from you…


Ele deixou um sorriso tímido escapar. Como Izumi conseguia ser tão perfeito e o desconsertar tanto? Ia dizer alguma coisa, mas nem chegou a começar a falar quando os lábios dele se fecharam nos seus. O gosto lhe era doce e familiar. Ele se lembrava de cada detalhe de quando haviam se beijado pela primeira vez cinco anos atrás. E a mesma sensação estava ali outra vez. O calor, o desejo, a entrega. Era estranho que fizessem isso no meio de uma praça pública na Rússia. O país não era lá o mais receptivo com aquele tipo de coisa, mas Damien não estava pensando nisso. Pelo menos não naquele segundo.

Quando separaram seus lábios ele abriu os olhos lentamente e abaixou a cabeça certo de que estava muito mais vermelho do que a casa a qual pertencera em Ilvermorny. Ele queria não ser tão tímido. Queria muito. Mas era muito mais forte do que ele. Era como se uma força superior se apoderasse de seu corpo para instaurar aquela vontade quase insana de levantar e sair correndo feito um louco para longe da situação. Mas, claro, agir de uma forma tão impulsiva acarretaria em muito mais vergonhas do que simplesmente ficar e tentar curtir o momento pelo qual esperara por cinco longos anos.

— Me desculpe... Eu... Eu queria te poupar do trabalho... Por isso pedi comida. Não achei que fosse se zangar. — Tentou se redimir ao ver que ele havia ficado chateado por não ter deixado ele cozinhar para Damien. Claro, para qualquer um estaria óbvio se tratar de uma brincadeira, mas não para Damien. Damien levava as coisas a sério demais quando estava nervoso. Mesmo que convivesse a vida inteira com mil pessoas sarcásticas o tempo todo ele parecia esquecer da habilidade de entender sarcasmo quando seus nervos estavam a flor da pele.

E então Izumi disse que no dia que ele fosse para sua casa iria cozinhar para ele o tempo todo. Damien sorriu sem jeito. — Aposto que sua comida deve ser deliciosa. — Ele olhou para Izumi dessa vez. A timidez começando a dar um pouquinho mais de brecha para que ele conseguisse agir normalmente. Ou tão normalmente quanto lhe era possível. O que não era muito, uma vez que estava quase sempre daquela forma tímida. — Sim, eu gosto de comida árabe, mas... Por que está pedindo desculpas? — Ele realmente havia ficado sem entender o motivo de tal alto.

— Por que você atrapalharia? Você está cuidado do Dary, não está? Você também precisa conhecer o namorado dele. Você já é como se fosse da família, Izumi. — A última frase saiu carregada com sua timidez. Mas precisava sair. Izumi precisava saber disso mais do que tudo. — Sim, vamos... — Ele segurou na mão do asiático e, juntos caminharam até o apartamento humilde alugado por ele. Não era o lugar mais elegante do mundo, na verdade passava bem longe de o ser, mas era o que o dinheiro do salário de Damien o permitia pagar. Ele girou a chave e a maçaneta. — Por favor, não repare. O lugar é meio... Humilde. — Comentou ao subir pelas escadas com ele. Sempre de mãos dadas.


Interação com: Izumi Miyamoto ♥
Imagem



Spoiler: Mostrar
Imagem


Spoiler: Mostrar
Imagem
Damien Morris
Mundo Mágico
Avatar do usuário
Fionn Creber
 
Reg.: 30 de Jan de 2019
Últ.: 14 de Jul de 2020
  • Mensagens: 86
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 1 Pts.
  • 19 Pts.
  • 37 Pts.

Postado Por: Nick/Pinscher.


Re: Kremmlin Platz

MensagemGrecia [#203517] por Afrodite Hatzimichalis » 13 Jun 2020, 21:34

  • 14 Pts.
  • 10 Pts.
  • 95 Pts.
Com a família
with Poseidon


- Antes que eu me esqueça, obrigada pelas pedras, elas serão usadas numa das minhas próximas criações, assim como as conchas. - A loirinha agradeceu Poseidon, esse que havia aceitado ir visitá-la numa das folgas em seu trabalho. De todos os irmãos mais velhos, ele era o que melhor se dava, mesmo que tivesse vontade de fritá-lo numa frigideira gigante pela mania insuportável dele jogá-la na água. O garoto peixe também era o único dos mais velhos que sabia exatamente o que passara com Vulcano e diante dessa proximidade maior, ela gostava de poder conversar, pensar em outras coisas, assim como tentar livrar suas preocupações da mente. Na maior parte das vezes funcionava, outras apenas sentia um alívio no peito.

- Sinto falta de poder nadar, por incrível que pareça. Além de Durmstrang ser mais frio e o lago ficar congelado por muito mais tempo do que eu gostaria, não me sinto confortável ainda para isso. - Deu de ombros, desviando o olhar do mais velho e fitando nada em específico, mas sentindo as bochechas arderem levemente. A menina sempre gostou de desfilar com suas roupas de banho, mas desde o acontecimento com o ex namorado, havia se limitado e raramente escolhia roupas novas para usar. - Eu sei que é besteira, mas tenho medo, acabo ficando com receio do que isso poderia causar. - Respondeu de forma calma, muito diferente do seu tom irritadiço e teimoso habitual, isso porque ali, com o mais velho, podia ser sincera com seus sentimentos.

- Claro que nas férias, junto de Ares eu fiquei mais tranquila, porque ele me dá a sensação de proteção, de que nada vai me acontecer, mas como estamos separados nas dinastias e… digamos que tem muito mais gente do que nas férias, é mais complicado. - E contra tudo o que esperariam, Afrodite deitou a cabeça no braço de Poseidon, fechando os olhos por um tempo, como se tentasse controlar os pensamentos e não ter mais nenhuma crise de ansiedade ou de pânico. Há algumas semanas a loirinha não tinha crises e aquilo parecia ser uma evolução maravilhosa, se comparado com o início das aulas, que era praticamente diárias suas crises.

- Mas mudando de assunto. - Secou o rosto com uma das mãos e se ergueu, ficando de frente para o mais velho e abrindo um sorriso mais inocente e puro. - Adivinha quem conseguiu uma entrevista para o jornal e será matérias principal por ter uma habilidade maravilhosa com roupas! Isso mesmo, euzinha aqui! Pode ficar orgulhoso, eu deixo! - Comentou de forma animada, fazendo uma pequena reverência exagerada, apenas para realmente guardar os sentimentos ruins. Afrodite não queria ficar falando somente de coisas tristes com o garoto peixe, já que ele era um dos que a incentivava desde sempre. - Na próxima semana eu vou encontrar uma jornalista e mostrar meus desenhos, contar meu interesse e também um pouco dos meus trabalhos. Isso não é legal? Vai me ajudar bastante na carreira, já que ser somente modelo não vai trazer o que eu realmente desejo. Por falar nisso, será que você conseguiria me acompanhar? Mesmo eu sendo mais velha, queria ter a presença de alguém, só por garantia.
Imagem
Imagem

Spoiler: Mostrar
Imagem
Imagem
Afrodite Hatzimichalis
7° Ano Slytherin
Avatar do usuário
Romee Strijd
 
Reg.: 24 de Nov de 2013
Últ.: 10 de Jul de 2020
  • Mensagens: 560
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 14 Pts.
  • 10 Pts.
  • 95 Pts.

Postado Por: Niica.


Anterior

Voltar para Rússia

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante