Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Felicidade Jian-Yin Lee 479 23/05/2020 às 22:05:02
Recomeço Jian-Yin Lee 2594 13/03/2020 às 16:50:15
22/02/2020 Duncan Cullen 2982 22/02/2020 às 15:27:50
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 7054 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 6419 22/11/2018 às 18:19:24

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

[Átrio]

Moderadores: Conselho Internacional, Special Confederação Internacional dos Bruxos, Confederação Internacional dos Bruxos, Ministério da Magia

[Átrio]

MensagemGrecia [#99343] por Faunos, o Centauro » 15 Abr 2012, 22:08

  • 10 Pts.
  • 19 Pts.
  • 23 Pts.
Átrio

O Hall de Entrada é longo seu piso é feito com cerâmicas que parecem esmeraldas quadriculadas dispostas em perfeita harmonia. Logo na entrada se vê uma enorme placa de pedra branca, algo parecido com mármore. Tem a forma de um arco e lembra bastante os templos gregos, cravadas ali estão as iniciais do Ministério da Magia Europeu (MME). Abaixo vem um texto em runas antigas que trata da magia européia e sua importância para todo o mundo.

Há uma parte do átrio onde lareiras são postas em fileiras e a cada segundo bruxos que trabalham no ministério chegam com as chamas verdes e altas lhes transportando pela rede de Flu. As da esquerda são para quem chega e as da direita, para quem vai embora do Ministério. Há também uma recepção para os bruxos perdidos e nas paredes avisos, campanhas, quadros e fotos são postos para passar as informações devidas aos transeuntes.
Faunos, o Centauro
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 11 de Apr de 2008
Últ.: 17 de Apr de 2020
  • Mensagens: 84
  • Nível:
  • Raça: Centauro
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 10 Pts.
  • 19 Pts.
  • 23 Pts.

Postado Por: Zezo.


Re: [Átrio]

MensagemInglaterra [#103671] por Daniel Silver Hanks » 17 Jun 2012, 02:39

  • 7 Pts.
  • 19 Pts.
  • 18 Pts.
Mal se materializara no seu local de trabalho quando começou uma busca visual por Pierre. Precisava encontrar o homem o quanto antes. Muita coisa estava em jogo para que perdesse tempo e sendo assim, andava rapida e atentamente pelo átrio do Ministério com o intuito de se dirigir à sala de seu chefe. Não deixava de se atentar a uma pessoa se quer. Estava fora de corgitação perder Pierre de vista e para garantir que isso não acontecesse, o jovem loiro até arriscou perguntar à uma funcionária a localização do homem.

Não fora preciso responder a pergunta. Ao se aproximar da moça, de relance Daniel viu um vulto conhecido e não se demorou em caminhar em sua direção. "Pierre, bom dia?! Precisamos tratar de um assunto urgente. Conforme suas ordens, eu fiu à Loja de Brinquedos Sparkie e conclui meu trabalho com êxito, fazendo assim os funcionários trouxas esquecerem as "anomalias" que viram. Mas o assunto é ainda mais grave. Como foi dito na carta/solicitação de Suzie, a mágica que protegia a parte bruxa do local da visão de trouxas parece estar quebrada e um tanto quanto falha. Conversei com a enfermeira e ela disse que suspeita do tio. O homem é contra a união de trouxas e bruxos, mas mesmo assim contratou funcionários trouxas para trabalharem em sua loja. Suspeito não ?" Esperou o chefe digerir e entender as informações e continuou "Eu não conheço feitiços capazes de invadir as mentes alheias, mas creio que você seja capaz de executá-los. A minha proposta é que voltemos a loja, talvez com um mandato do Ministério, para invadir a mente do propretário e descobrir se é ele quem está tentando sabotar o mundo mágico. O que me diz ?"

Por um momento Daniel travou internamente. Só agora percebra o quanto havia falado. Talvez fosse uma tremenda falta de respeito à hierarquia se intrometer e sugerir uma solução para um caso daqueles. Mas o jovem não o fizera por mal. Era de sua natureza querer dar soluções as coisas, e uma vez que o assunto era de enorme gravidade, ele não conseguira se controlar. Agora ele desejava que Pierre visse aquilo como uma boa qualidade e respondesse a sua proposta não dando atenção ao quanto ele havia dito.
Imagem
"Concentre-se, e tudo poderá fazer"
Daniel Silver Hanks
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 19 de Apr de 2012
Últ.: 01 de Mar de 2013
  • Mensagens: 20
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 7 Pts.
  • 19 Pts.
  • 18 Pts.

Postado Por: Jeferson Diniz Ramos.


Re: [Átrio]

MensagemInglaterra [#103736] por Maëve Gail Stanfield » 18 Jun 2012, 22:47

  • 18 Pts.
  • 11 Pts.
  • 86 Pts.
- Pretendo sair às cinco horas da tarde, mas posso ficar mais tempo em meu escritório se for do seu agrado a minha companhia após o seu expediente. – A loira tinha um sorriso fácil tanto quanto eu. Enrolava a ponta de uma mecha cacheada de seus cabelos em seu dedo indicador direito, enquanto agradecia a minha humilde gentileza em acompanhá-la nas ruas de Vaduz... Garota esperta... Pois, além desta cortesia, ainda teria o meu quarto em Paris para dormir nesta noite. Eu quebraria a sua rotina desanimadora e ainda iria satisfazer-lhe de modo que tenho certeza que este fim de dia não seria o único entre nós.

Despedi-me dela com um breve aceno cortês, desencostando da bancada de mármore que nos separava, passando a caminhar satisfeito para os elevadores. Guardei minhas mãos nos bolsos da calça de linho em um hábito frequente, enquanto aguardava a cabine a minha frente abrir suas portas para transportar-me. Antes, porém, ouvi uma voz as minhas costas dirigir-se a mim. Daniel Silver Hanks, um dos obliviadores da minha sessão, parecia apressado demais para ter que esperar me encontrar em minha sala.
– ‘dia. – Respondi o seu cumprimento, antes de começar a ouvir o que o homem tinha a dizer.

- Parece-me mais uma brincadeira sem graça desse velho com os trouxas. Você tem alguma ideia do porque ele esteja fazendo isto? Sabotagem ao mundo bruxo? Parece-me mais um caso de problemas psicológicos. – Senti vontade de tragar um cigarro. Sempre sinto vontade de fumar diante de problemas, por mais simples que sejam, além do mais, se eu tenho subordinados em meu departamento é para que eles resolvam estes contratempos, você não concorda? Não para me darem motivos para ocupar-me com estes importunos - Hanks, precisamos trabalhar e aperfeiçoar oclumência e legilimens em você, mas enquanto isto não seja possível, irei sim interrogar este homem aos nossos modos. Vou providenciar algum frasco da mais límpida Veritasserum e iremos para lá. Sei que o caso é urgente, mas me dê um prazo de no máximo quatro dias. Cobre-me, antes que eu esqueça disto, afinal, são tantas ocorrências a nos perturbar. Merlin abençoe os trouxas... Vai subir? – O elevador finalmente havia chego, abrindo suas grades douradas de forma abrupta, permitindo que os homens o adentrassem. Esperei a resposta e companhia daquele senhor, mas, obviamente, desejava era um maço de cigarros e a bela recepcionista que olhava-nos em seu posto. Duas coisas ótimas que poderiam entreter-me dentro daquela cabine.
Maëve Gail Stanfield
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 12 de Jun de 2011
Últ.: 02 de Jun de 2020
  • Mensagens: 34
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 18 Pts.
  • 11 Pts.
  • 86 Pts.

Postado Por: Nine.


Re: [Átrio]

MensagemInglaterra [#103768] por Daniel Silver Hanks » 19 Jun 2012, 18:07

  • 4 Pts.
  • 17 Pts.
  • 22 Pts.
"Adoraria ter alguém pra me ensinar essas habilidades. Poderia evitar muitos transtornos, né ?! Veritasserum, ótima ideia. Okay, creio que a Suzie aguente as pontas por quatro dias. Vou enviar uma coruja à ela dizendo que iremos para lá em breve. Ah sim, não esquecerei de te lembrar. Vou subir sim" respondeu Daniel em tom gentil.


Saiu do elevador quando o mesmo se encontrava parado no terceiro andar. Se despediu do chefe com um cordial "Até mais" e não se demorou em entrar em sua sala para escrever uma carta para a enfermeira do Tvh. "Droga, cadê um pergaminho quando se precisa de um ?! Accio pergaminho" um pedaço de papel veio em sua direção pousando em sua mesa. "Assim está melhor" disse pegando uma pena e começando a escrever:


Destinada à Suzie Sparkie, Loja de Brinquedos, Newcastle

Olá Suzie, venho com boas noticias. Conversei com o chefe do meu departamento e ele concordou em fazer uma investigação em seu tio. Não exitaremos em comparacer à loja quando ele estiver disponivel, e isso ocorrerá daqui a quatro dias. Novamente peço que você se faça presente no dia em questão. Até mais.

PS: Ficaria agradecido se você pudesse dar algum alimento à Kayza, minha coruja, uma vez que a viagem é muito longa. Ele não é hostil e se quiser conquistá-lo faça carinho na nuca. Grato.

Daniel Silver Hanks - Obliviador do Ministério da Magia Europeu


"Kayza preciso enviar uma carta, pode me ajudar com isso ? Obrigado, você é uma ótima coruja se quer saber" disse dando alguns petiscos à ave de penas cinzas. "Agora vá porque o assunto é de grande importância. A carta é destinada para Suzie, você deve se lembrar dela pois você fez uma entrega de carta a cerca de dez dias. Ela vai ter dar alimento quando você chegar lá. Seja educado e vá com Merlin, até mais."


Spoiler: Mostrar
Feitiço: Accio
Descrição: Faz com que qualquer objeto convocado pelo feitiço chegue às mãos daquele que o realizou

Itens Utilizados:

  • Animal: Coruja

    Usou um Animal: Coruja.

Imagem
"Concentre-se, e tudo poderá fazer"
Daniel Silver Hanks
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 19 de Apr de 2012
Últ.: 01 de Mar de 2013
  • Mensagens: 20
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 4 Pts.
  • 17 Pts.
  • 22 Pts.

Postado Por: Jeferson Diniz Ramos.


Re: [Átrio]

MensagemSeychelles [#107665] por George Hogarth » 13 Ago 2012, 21:31

  • 7 Pts.
  • 18 Pts.
  • 58 Pts.
Spoiler: Mostrar
Período: Vespertino;
Clima: Ameno;
Participantes deste arco: George Hogarth e Julie Reinheart.


Os punhos ainda estavam feridos pelo aperto das argolas de ferro que os aprisionavam as costas de George. Ele não conseguia entender como é que uma testemunha chave para desvendar um assassinato em massa de crianças bruxas no norte da Sérvia podia ser tratada com tanta rigidez.

- O Ministério já soube tratar melhor as suas visitas – Disse ele entre os dentes enquanto era desacorrentado da cadeira das testemunhas perigosas do Tribunal da corte de Wizengamot. Ouviu do guarda que ele não era uma visita, apenas um criminoso que testemunhou um crime mais grave do que aqueles que carrega – É, você tem razão – disse ele com desdém– Mas se não fosse por mim a tão desejada prisão de vocês não seria possível – Disse enquanto se levantava e dirigia-se as grandes portas do recinto, quando teve a sua atenção chamada pelo líder da bancada.

- Lembre-se Sr. Hogarth, hoje você não é o réu, apenas hoje – e virou-se novamente para os outros conselheiros. Curvando-se para todos com bastante ironia George finalizou – Sim, é claro, Oh velho, velho, velho mestre ancião. - E saiu a passos largos antes que essa sua ofensa pudesse resultar em algo mais grave. Caminhou pelos corredores de pedra preta chegando rápido aos elevadores. Entrou no primeiro que vagou tomando cuidado para não perder a sua capa na grade de proteção. Colocou o seu chapéu na cabeça e aguardou enquanto subia.

- NIVEL 8, ÁTRIO – Soou uma voz feminina. George abriu as portas e saiu para um átrio abarrotado de bruxos, bruxas e seres das mais diferentes classes mágicas e sociais. Dirigiu-se a mesa de controle e resgatou a sua varinha, estava, finalmente, completo! Caminhou desviando-se das pessoas sem tocar ninguém. Conseguiu bater a carteira de um bruxo distraído e deu aquela tarde de quarta-feira como ganha. Quando estava chegando perto de uma das lareiras acabou esbarrando, por puro acidente, em uma bruxa do ministério

“Vish...” - Pensou ele quando viu a forma como a bruxa o encarou. Galanteador barato como era apressou-se logo a iniciar uma conversa, tentando desfazer, de alguma forma, se possível, das duras linhas que apareceram na face da moça.

- Desculpe-me senhorita... - Disse ele dando a ela a brecha para dizer o seu nome enquanto curvava-se levemente tirando o chapéu da cabeça em um gesto cortês. - Meu nome é Hogarth, George Hogarth aos seus serviços – finalizou com um sorriso meio misterioso no rosto...
Imagem

Spoiler: Mostrar
Imagem
George Leda Hogarth
George Hogarth
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 08 de Jul de 2012
Últ.: 25 de Aug de 2018
  • Mensagens: 36
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 7 Pts.
  • 18 Pts.
  • 58 Pts.

Postado Por: Zezo.


Re: [Átrio]

MensagemEstados Unidos [#107844] por Julie Reinheart » 18 Ago 2012, 17:31

  • 11 Pts.
  • 18 Pts.
  • 78 Pts.
Aquela manhã para Julie seria cheia e a moça não estava muito feliz com isso. Em geral ela gostava de seu trabalho, não era algo tão emocionante, mas as vezes se tinha uma emoçãozinha por ali, mas hoje seria o típico dia tedioso e estressante para qualquer pessoa que teria que fazer relatórios de todos os casos finalizados e em andamento para passar para um chefe que provavelmente não estaria muito feliz.

Ainda deitada em sua cama ouvindo as ondas quebrando violentamente nas rochas e o som dos trovões como se fosse leões raivosos mostrando toda sua fúria em rugidos altos e medonhos enquanto uma chuva torrencial era descarregada pelas grandes e grossas nuvens cinza que mantinham a manhã escura como se ainda fosse noite.“Parece que o tempo sabe exatamente como será o meu dia no Ministério hoje”. Pensou com um longo suspiro e finalmente se levantou da cama.

Colocou uma roupa confortável e sua capa verde esmeralda de um tecido aveludado por cima. Deixou os cabelos longos e negros soltos e ajeitou a varinha por dentro de sua capa. Se olhou no espelho novamente e foi para sua lareira rumo ao Ministério da Magia, mas uma coisa que não esperava aconteceu. Assim que saiu da lareira um bruxo com ar maroto esbarrou nela. Ela sabia que fora por acidente, pois assim como ela, ele não a tinha visto, mas alguma coisa nele a deixou desconfiada. Aquele ar maroto que ela conhecia muito bem não a enganava, ela sabia que ele não era de se confiar e se estava ali era por que tinha arranjado alguma encrenca por ai.

Lançando um olhar de completo desprezo ela o observou de cima a baixo. Ele usava uma capa que a impossibilitava de ver a roupa que usava por baixo e um chapéu que não era nada típico de uma pessoa que frequentava o Ministério. O homem com seu ar de galanteador se desculpou e logo em seguida se apresentou lançando-a um olhar discreto e ela percebeu que ele realmente queria que ela falasse seu nome.

Revirando os olhos impacientemente para brincadeiras idiotas ela disse rispidamente – Veja se olha por onde anda. – O olhar e sorriso malandro de galanteador barato não saíram da face do homem, por outro lado, Julie pode ver um brilho diferente neles. Bufando, a morena se virou com intenção de continuar seu caminho para sua sala pensando que o dia dela não poderia ficar pior.
Julie Reinheart
Mundo Mágico
Avatar do usuário
In fact you can keep everything, except for me!
 
Reg.: 21 de Mar de 2012
Últ.: 10 de Nov de 2016
  • Mensagens: 101
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 11 Pts.
  • 18 Pts.
  • 78 Pts.

Postado Por: Pri.


Re: [Átrio]

MensagemSeychelles [#107995] por George Hogarth » 26 Ago 2012, 11:10

  • 5 Pts.
  • 18 Pts.
  • 78 Pts.
- Nossa, quanto ódio nesse coração – Disse ele sorrindo para o rosto sério daquela bela moça. Com um gesto bem desenhado ele cheirou o ombro em que ela esbarrou e disse – Delicioso esse seu perfume Senhorita que eu não sei o nome – O átrio estava abarrotado de bruxos que iam e vinham a todo o momento de muitas direções. Felizmente os dois não pareciam provocar um congestionamento maior do que o que já existia. Algumas pessoas passavam e olhavam para eles, mas não prendiam a atenção por mais de 5 segundos, o que deixava George confortável para cortejar aquela “donzela”.

- Desculpe a minha falta de habilidade- Sem esperar que ela dissesse uma palavra sequer ele se aproximou dela e conjurou um buquê de margaridas. Não era, o que podemos dizer, um excelente buquê ou de um apanhado de flores bonitas. Algumas estavam um pouco murchas e outras faltando pétalas... “Eu continuo com problemas para fazer feitiços sobre pressão ¬¬”... Ele, como galanteador que era, não ficava nervoso diante das mulheres, pelo contrário, se sentia bem a vontade. O ambiente ministerial é que não o agradava muito, afinal, em todas as vezes em que esteve por lá ou estava no papel de réu ou de testemunha.

- Aceite essas flores como um pedido sincero de desculpas. Aceite jantar comigo esta noite para que eu, como cavalheiro que sou, possa compensá-la por ser tão compreensiva com um pobre mortal como eu – George estava meio estranho. Estava usando, de maneira confusa e misturada todas as suas cantadas, armas, efeitos e trejeitos para conquistar garotas, e o resultado parecia estar muito longe de ser positivo. Aquela moça era das difíceis. Seus traços, sua expressão diziam muito sobre ela. Truques baratos e cantadas batidas não funcionariam. A abordagem teria de ser completamente outra.

“Nenhum sorriso? Acho que estou arruinando tudo aqui hoje.” Seus pensamentos voavam a velocidade da luz enquanto ele anotava mentalmente a ausência de reação da mulher, que parecia não se afetar com o que ele dizia ou fazia. “Já era, hoje não adianta eu tentar nada de especial, acho que estraguei tudo” O seu pensamento era, até certo ponto, muito realístico afinal, quando você arruína todo o começo de uma interação, tentar consertar só piora tudo. O melhor a se fazer era deixar as coisas seguirem e ver onde iria dar, afinal, ele não tinha nada a perder, a não ser alguns minutos do seu tempo.
Imagem

Spoiler: Mostrar
Imagem
George Leda Hogarth
George Hogarth
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 08 de Jul de 2012
Últ.: 25 de Aug de 2018
  • Mensagens: 36
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 5 Pts.
  • 18 Pts.
  • 78 Pts.

Postado Por: Zezo.


Re: [Átrio]

MensagemEstados Unidos [#108001] por Julie Reinheart » 26 Ago 2012, 20:09

  • 19 Pts.
  • 8 Pts.
  • 146 Pts.
“Eu devo ter um imã que atrai caras idiotas, não é possível.” Foi o pensamento de Julie ao ouvir o que o homem dizia sobre seu perfume depois de ter cheirado o ombro. Revirando os olhos e começando a realmente se irritar com a presença daquele rapaz inconveniente em um dia não muito bom para a jovem moça ela disse em um tom um tanto ameaçador e de ordem, mas ainda assim tentando se manter educada: - Escute, não lhe interessa o meu nome, então por favor, continue o seu caminho. – Mas antes que ela pudesse fazer qualquer movimento ou dizer qualquer outra coisa ele se desculpou novamente e conjurou um buque de flores.

“Ele só pode estar brincando com minha cara.” Julie respirou fundo novamente diante do buque de flores murchas a sua frente. A morena olhou fixamente nos olhos de George enquanto ele dizia besteiras de como ele era cavalheiro e ela deveria aceitar jantar com ele essa noite. Sua expressão continuava sendo a de mais puro desprezo. Ainda sem dizer nenhuma palavra a morena continuou encarando-o enquanto ela percebia um fundinho de frustração nos olhos daquele galanteador de esquina por suas cantadas de segunda não estarem funcionando. Ela percebeu também como ele tentava esconder essa frustração com seu sorriso de lado e um olhar fingido de sedução.

- Se já terminou com sua encenação barata, vou me retirar porque tenho coisas mais importantes para fazer do que ficar ouvindo asneiras de um homem como você. – Julie fora seca, usou o tom mais frio que conseguiu para ver se dessa vez George largava mão e a deixava em paz, mas alguma coisa lhe dizia, bem lá no fundo, que essa não seria a primeira vez a encontrar esse homem por ai. “Odeio essa sensação...”.
Julie Reinheart
Mundo Mágico
Avatar do usuário
In fact you can keep everything, except for me!
 
Reg.: 21 de Mar de 2012
Últ.: 10 de Nov de 2016
  • Mensagens: 101
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 19 Pts.
  • 8 Pts.
  • 146 Pts.

Postado Por: Pri.


Re: [Átrio]

MensagemSeychelles [#108236] por George Hogarth » 06 Set 2012, 22:22

  • 2 Pts.
  • 15 Pts.
  • 59 Pts.
[Flashback on]

O cheiro do vinho estava impregnado nas roupas de cama onde George estava esparramado, exausto, arfando enquanto recuperava o fôlego. Em pé, na frente de um espelho redondo circundado por algumas luzes estava uma mulher branca, cabelos loiros tingidos que pareciam quase brancos, banhados em suor e presos despretensiosamente em um coque no topo da cabeça, ajustando o pouco de maquiagem que ainda lhe restava na face. - Você é muito travesso George – Disse ela olhando para ele pelo reflexo do espelho – Se pensa que esta noite será gratuita como outras está enganado. Não existe afeto aqui, o “lance” é comercial, eu tenho dívidas, você sabe que eu tenho que pagar o meu dono.

George olhou distante para o teto do bordel como se esperasse que moedas de ouro caíssem do céu, de preferência longe de seu corpo, mas perto o suficiente para que ele pegasse e quitasse aquele programa noturno. Aqueles eram tempos difíceis, tempos de recessão e diversão e prazer precisavam ser sustentados, sempre, para aliviar o stress e passar o tempo.

- Você gosta de jogar isso na minha cara não é doce Dorothy?


[Flashback off]

- Um homem como eu? Como seria um homem como eu? Bonito? Charmoso? Elegante? Cordial? Faltam-me palavras para me descrever – Disse Hogarth com um sorriso sincero no rosto. Ouviu a moça retrucar de volta mas ignorou. Ser pisado por uma mulher atraente e com muitos atributos estava no sangue de George que encarava aquilo com a maior naturalidade e é possível dizer, com segurança, que ele estava se divertindo com a situação.- Peço desculpas se a minha conduta não lhe agradou, no entanto, já nos demoramos demais aqui e temo que o tempo é curto para nós dois.

Sim, ele estava sendo sincero, já havia passado muito tempo ali dentro do Ministério visto desejava apenas entrar e sair chamando o mínimo de atenção. Já havia cortejado a mulher e, como de praxe, já tinha sido sumariamente esculachado pela mesma, resolvendo finalizar a conversa como sempre fazia, buscando uma saída triunfal, ou no mínimo, chamativa.

- Suspeito que você não decorou o meu nome. Receio então ser necessário que fique com um cartão meu – Ele tirou do bolso interno do sobretudo um cartão vermelho com alguns símbolos curiosos que o adornavam e com algo desenhado no centro. Empurrou para a mão da mulher que o recebeu sem muito gosto, virou as costas e saiu pela lareira, sem antes é claro, virar para ela e lançar-lhe uma piscadela.

Off: O cartão é tridimensional, dependendo do ângulo ele mostra o nome: George Hogarth, Serviços Especiais ou uma imagem do galã apontando com a mão direita e piscando de um olho só. Ele dá um choquinho de tempos em tempos para lembrar você de que ele está em seu bolso, porque, mesmo que você se livre dele, ele sempre vai parar lá.
Imagem

Spoiler: Mostrar
Imagem
George Leda Hogarth
George Hogarth
Mundo Mágico
Avatar do usuário
 
Reg.: 08 de Jul de 2012
Últ.: 25 de Aug de 2018
  • Mensagens: 36
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Masculino

Rolagem dos Dados:
  • 2 Pts.
  • 15 Pts.
  • 59 Pts.

Postado Por: Zezo.


Re: [Átrio]

MensagemEstados Unidos [#108261] por Julie Reinheart » 09 Set 2012, 10:50

  • 14 Pts.
  • 11 Pts.
  • 145 Pts.
Paciência era algo que Julie sempre teve de sobra, mas George estava conseguindo tirá-la do sério, o pouco da paciência que lhe restara terminou no momento em que Hogarth, em vez de aproveitar a brecha que a morena dera e ir embora, começou a se “descrever”. A mulher teve de reunir todas as suas forças para não pegar a varinha e lançar-lhe uma azaração bem ali no meio do Átrio no Ministério da Magia, mas contentou-se em apenas dizer palavras quase inaudíveis de como realmente seria um “homem como ele”.

Depois de respirar fundo várias vezes e repetir para si mesma que é apenas um dia ruim, ela pode sentir uma pontinha de esperança quando George fez menção de ir embora, porém sua esperança se esvaiu quando ele lhe entregou um cartão que ela tentou não aceitar, mas foi em vão. Assim que Julie tocou o cartão sentiu um leve choque vindo do cartão e sentiu suas bochechas ficarem quentes de raiva.

Por reflexo sua mão segurou com firmeza a varinha dentro de seu casaco, mas já era tarde de mais Hogarth já havia entrado na lareira. Respirou fundo mais uma vez e resolveu caminhar rumo a sua sala, sem olhar para o cartão jogou fora no primeiro lixo que viu e continuou seu caminho. “Meu dia não pode ficar pior...” Foi o pensamento da morena quando entrou finalmente em sua sala, porém se arrependeu de ter pensado isso no mesmo instante, pois logo que sentou em sua cadeira ela sentiu o familiar choque e colocando a mão em seu bolso encontrou o cartão onde dizia: George Hogarth, Serviços Especiais e mexendo no cartão ela pode ver também uma foto dele.

Tentando ignorar o cartão que aparecia em seu bolso lhe dando choques de tempos em tempos ela tentou trabalhar. “Tenho de arranjar um jeito de me livrar disso...”.


OFF- arco finalizado.
Julie Reinheart
Mundo Mágico
Avatar do usuário
In fact you can keep everything, except for me!
 
Reg.: 21 de Mar de 2012
Últ.: 10 de Nov de 2016
  • Mensagens: 101
  • Nível:
  • Raça: Humana
  • Sexo: Feminino

Rolagem dos Dados:
  • 14 Pts.
  • 11 Pts.
  • 145 Pts.

Postado Por: Pri.


Próximo

Voltar para Átrio de Entrada

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes