Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Segundo Ano - Carta 1 Pavel - Répondre à Elise Elise Marie Bertrand 1510 20/05/2018 às 18:54:32
Segundo ano. Carta 1 - À Pavel Elise Marie Bertrand 1309 20/05/2018 às 18:52:18
Parte 1 (1/2) Isabelly Blanch 7671 18/06/2017 às 21:24:38
DCAT 5º ANO: AMIGA É PARA ESSAS COISAS… Lara Lynch 10114 17/07/2016 às 04:16:34
Passado? Parte 2 Steffano Di Facchini 9919 09/07/2016 às 20:29:55

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Estados Unidos Noah Johnson [ 17270 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Noah Johnson
  • Funcionário do Ministério
  • Funcionário do Ministério

  • NOME COMPLETO

    Noah Johnson

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    193m

  • PESO

    89kg

  • OLHOS

    Castanho Escuro

  • CABELOS

    Castanho Escuro

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    40 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    11/11/1975

  • SIGNO

    Escorpião

  • NOME DO PAI

    Desconhecido

  • NOME DA MÃE

    Desconhecido

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Desconhecida

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Desconhecido/Estados Unidos

  • NÍVEL

Pouco se sabe sobre Noah Johnson; suas origens, sua família, até mesmo a cidade de onde nasceu. Sua ficha é uma das poucas consideradas "sigilosas" dentro do governo dos Estados Unidos, acessível a um número de pessoas que se pode contar nos dedos de uma mão.


E devo dizer, todo este sigilo, por enquanto, não parece angariar muita atenção de nosso protagonista. Algumas informações básicas lhe foram passadas, todavia, não se preocupa com a veracidade das mesmas. Alguns dizem que, enquanto tiver uma arma na mão, uma guerra para vencer, um objetivo, uma missão, a curiosidade sobre sua vida estará saciada. 


O que se sabe de sua história, (não sabendo se ela é verdadeira ou não) é que seus pais morreram quando Noah ainda era criança, com 5 anos de idade. Dizem ter vindo de uma família de imigrantes e, que, ainda criança, foi resgatado por um funcionário de alto escalão da CIA - Frank Lee, em condições “deploráveis”.


 Criado, crescido e alimentado dentro das paredes militares, combate é uma das poucas coisas que o bruxo sabe fazer e para o que viver. Aliás, a questão de sua bruxidade é conhecida por poucos do governo americano. Afinal, além de esconder seus dotes, há ainda a necessidade de se esconder sobre a existência de um Mundo Mágico, paralelo e intrincado ao trouxa.


 Frank Lee, o funcionário que o "salvou" quando criança é bruxo, todavia, não vive integralmente na sociedade mágica. É um agente duplo, uma ponte entre o governo trouxa americano e o bruxo, a Macusa. É também alguém que age segundo seus interesses pessoais, balanceando-os entre o governo trouxa e mágico do qual faz parte. É um homem de escrúpulos duvidosos, com uma capacidade de manipulação muito bem talhada ao longo dos anos e que conseguiu transformar Noah em seu objeto de desejo, interesse e proteção, afinal, tê-lo como aliado lhe é vantajoso.


 Noah, ao contrário da maioria dos bruxos, não teve seu dom mágico lapidado e controlado dentro de escolas mágicas. Tudo o que ele aprendeu, seja no que tange a sobrevivência, sociabilidade, combate mágico e trouxa, magia propriamente dita foi dentro das paredes obscuras e, muitas das vezes, inacessíveis do governo americano.


Isto o fez um excelente soldado, sendo reconhecido como um dos melhores snipers (atirador de longa distância) do exército americano, com mais de 255 mortes comprovadas por suas mãos. Foi condecorado várias vezes por atos de heroísmo, mérito e bravura em combate. Ele recebeu uma Estrela de Prata e quatro Estrelas de Bronze, uma medalha de comendação, duas medalhas de conquista e várias outras condecorações e prêmios pessoais.


Com 24 anos, foi enviado em missão para a guerra do Afeganistão. Foi o único sobrevivente dos dois lados de um combate armado entre o exército americano e os afegãos terroristas. Por causa de sua atuação como franco-atirador os insurgentes o chamavam de "O Diabo das Montanhas” e ofereceram uma recompensa de 21 mil dólares por sua cabeça, valor que depois subiu para 80 mil. 


No entanto, esta não foi sua primeira guerra, tampouco será a última. Noah participou de diversos combates, levando a bandeira de salvação dos Estados Unidos; seja no Iêmen, no Iraque, Paquistão e demais lugares pelo mundo. Durante seus vários turnos em guerras, Noah foi baleado quatro vezes e sobreviveu a seis explosões de artefato explosivo improvisado. 


Entre suas habilidades de combate, estão sua habilidade em explorar terrenos desconhecidos, sua especialidade em armas de fogo, que aliado com sua ambidestria, faz com que seja um atirador impecável. Utilizando um rifle sniper, Noah é capaz de realizar um tiro fatal estando a 4km de distância do alvo. Também é um especialista em facas e outras armas cortantes, tendo adquirido assim proficiência através das artes marciais. Ele é mestre em estilos como ninjutsu e karatê, mas tem preferência pelo Jiu-jitsu. Impulsionado por uma mente centrada, raciocínio rápido, frieza e uma mente calculista, as baixas das equipes comandadas por ele sempre foram extremamente pequenas. 


Ser bruxo também não é algo que aconteceu na vida de Noah por acaso; ele não deixa este dom de lado quando é necessário e conveniente. Pelo contrário. O bruxo, graças aos treinamentos liderados por Frank Lee se tornou um exímio avarador, não necessitando do uso de varinha mágica, algo de extrema importância quando se está entre trouxas e busca por discrição. 


Noah é chamado como "máquina de matar", um homem conhecido por sua brutalidade e falta de misericórdia quando em ação. Alguém que por muito tempo obedeceu e obedecerá a hierarquia de seu governo, fazendo o que lhe é mandado sem qualquer delimitação de questionamentos. E isto o torna extremamente valioso para os vieses obscuros deste governo de moralidade, por vezes, tortuosa. Afinal, por muito tempo nosso protagonista pensará do governo de seu país como condutor da liberdade e segurança de todos. E ele, aquele que poderá pô-la em prática. 


Sua natureza brutal, violenta e sua vontade de matar e, por que não, sede/necessidade por sangue o faz um Sniper escocês valioso dentro do corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos, a área onde oficialmente ele é empregado. Sim... pois, assim como Frank Lee, nosso personagem possui pontes estreitas com a Macusa, mais especificamente, a elite do grupo de aurores, realizando trabalhos extremamente especializados para o governo mágico. Em todas estas missões, ele responde diretamente a Frank, graças a um acordo entre os dois governos (trouxa e bruxo), portanto, Frank Lee pode usá-lo a seu bel prazer, e ainda conseguir fazê-lo completar as missões necessárias para a manutenção de ambos do Ministério da Magia Americano. 


Pode parecer que Noah é apenas um cara maluco distribuindo fogo e morte para todos os lados. Realmente, ele não é a pessoa mais sã do mundo, mas, não é todo mundo que se qualifica para ser sua vítima. Se a pessoa não infringir a lei, não precisa temê-lo. Ele não mata quem ele "acha" ser um bandido. Ele não é um homem impulsivo. Para distinguir um criminoso, ele usa de habilidades de investigação para colher informação acerca de pessoas suspeitas. E quando fica claro o envolvimento da pessoa com o crime, ai sim ela entra na mira de Noah Johnson. 


Suas habilidades também não se limitam somente a isto na hora de entregar sua punição a um transgressor da lei. Noah faz uso de sequestro, extorsão, coerção, ameaças de violência e tortura em seus serviços. Se algo envolve dor, sangue e sofrimento, pode ter certeza que Noah usará contra algum bandido. Noah é viciado em guerras, em combates; vive em constantes missões a serviço de "seu" país. Missões secretas, na maioria das vezes de retorno rápido, não pelo estilo da missão, mas, por sua eficiência em combate. 


Nosso personagem principal vive assim uma vida perigosa, constantemente arranjando novos inimigos. Para tanto, precisa de manter no auge seu condicionamento físico e, em adição, usa todo o seu treinamento e conhecimento militar adquirido como fuzileiro, auror, seu treinamento com forças especiais como os Navy Seal. 


Todavia, sua fraqueza em interação interpessoal o faz um homem psicologicamente problemático, alguém que não se abre com ninguém, que vive na reclusão de seus pensamentos, de suas lembranças e experiências bélicas, alguém que não confia facilmente em pessoas. E isto se agravará à medida em que descobrir sua verdadeira história.


Apesar de toda esta força em combate, Noah também é um ser humano, e, em seu processo de lapidação, Frank Lee parece ter esquecido deliberadamente deste detalhe. Noah não nasceu em um laboratório, contudo, foi criado em um. Toda esta frieza e distanciamento não é visto como um ponto negativo pelo governo americano. Pelo contrário. A falta de carisma deste soldado, a não necessidade de se criar vínculos familiares e de amizades o torna fluído, um homem sem raízes, cuja única missão e função na vida é para matar e destruir. 


Assim, sob ordens do governo americano trouxa, (aqueles que tem conhecimento do mundo mágico) Noah fincou mais raízes dentro da Macusa, a partir de 2014. Não em busca dos interesses mágicos americanos, mas dos trouxas. E por isto, colocaram um soldado de elite bruxo, criado dentro de paredes trouxas, para se precaver de quaisquer ameaças. Um sentinela, sempre a postos, preparado e sedento por batalhas, em prol da proteção de um mundo mais “equilibrado”, segundo o governo trouxa. Posteriormente, o avançará para o centro do poder mundial bruxo, Liechtenstein, com o mesmo objetivo. 


Assim, mudanças estão para acontecer na vida de Noah Johnson. Mudanças estas as quais ele terá dificuldades em passar. Não por causa de sua missão, mas, porque seu passado também virá à tona, a verdade, sua verdadeira história. E ele terá de ser muito mais que um soldado de elite para sobreviver a esta mais nova missão. E isto tudo irá acontecer após sua "temporária" transferência para Liechtenstein, em Vaduz, a mando da Macusa, governo americano e, claro, Frank Lee.



Este perfil já foi visualizado 160 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 14/12/2017 às 17:33:15