Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 131 22/11/2018 às 21:19:24
É LUFA - LUFA!! Venus F. Rossa 717 08/09/2018 às 21:24:13
Indo para Hogwarts! Venus F. Rossa 465 08/09/2018 às 21:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 460 08/09/2018 às 12:11:11
Fênix de Odin Lilith Ambrew 521 28/08/2018 às 01:09:34

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Escocia Viviane LeFay [ 17347 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Viviane LeFay
  • Mundo Mágico
  • Mundo Mágico

  • NOME COMPLETO

    Viviane Lefay

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,60m

  • PESO

    58kg

  • OLHOS

    Azul Claro

  • CABELOS

    Loiro Claro

  • SEXO

    Feminino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    30 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    01/03/1987

  • SIGNO

    Peixes

  • NOME DO PAI

    Uther Mordred Lefay

  • NOME DA MÃE

    Marian Loxley Lefay

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Avalon/Escocia

  • NÍVEL

Festival de Almabtrieb, doze anos atrás. Foi a última vez que os vi. A última vez que o vi. Dezessete anos na escola, servindo à Brigit com muita dedicação, e ao me formar, abandonei tudo, meu lar, minha família, meus amigos e… Kiefer. Sou a mais velha dos LeFay, herdeira da Excalibur, trono de Avalon e do sacerdócio das deusas, mas não quero nada disso, nunca quis. Assim que atingi a maioridade, tomei a decisão mais importante da minha vida, abandonar tudo e viver a MINHA vida. Meu pai, o rei de Avalon, ficou ao meu lado, assim como minha irmã, a doce Robin. Mas mamãe e Gwen ficaram tão contra que tomaram certo desgosto de mim.

No Almabtrieb despedi-me de Klara e Kiefer, em silêncio. Seria doloroso demais dizer adeus, ainda mais depois do beijo. Não, sumindo, talvez eles superassem e Kie… Talvez ele conseguisse seguir sua vida, arrumar alguém, construir uma família. Eu jamais o esquecerei. Na primeira semana de outubro daquele ano, voltei para a França, onde estudei música num conservatório trouxa e culturas mágicas, numa universidade bruxa. Aos vinte anos, terminei os estudos mágicos e optei por continuar vivendo como trouxa por um tempo. Sob o nome de Igraine Loxley, trabalhei como professora de música num internato trouxa.

Engraçado, vendo agora, talvez Gwen me odiasse ainda mais por tomar nota do meu sobrenome. Loxley, que faz tão parte de nós quanto LeFay, vem das antigas histórias de Robin Hood, tão reais quanto Avalon, o Rei Arthur e Morgana. Gwen odeia a parte rebelde de nosso sangue, mas ignora o fato de que tem boa parte dele, como nossa mãe. Os cabelos ruivos, marcas do gene Loxley, são intensos em abas, enquanto eu e Robin puxamos os LeFay, sendo loiras. A vida tem dessas, não?

Mas voltando a mim - não que eu goste muito disso - aos vinte e cinco resolvi que era hora de retornar à comunidade bruxa, e por uma ajudinha do destino, fui aceita na escola de Castelobruxo, onde, até os vinte e nove anos, lecionei Culturas e História da Magia. Mas claro, alguma hora a saudade bateria forte. Tantos anos na França me deixaram mal acostumada e acabei voltando para meu amado país, comprando uma casinha em Le Havre. Talvez, depois de tanto tempo, minha família me perdoe por querer trilhar meu próprio caminho, sinto tanta falta deles. E de Kiefer.



Este perfil já foi visualizado 79 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 18/06/2018 às 02:48:33