Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 2398 17/01/2019 às 14:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 1910 22/11/2018 às 21:19:24
É LUFA - LUFA!! Oh Ha Na 2322 08/09/2018 às 21:24:13
Indo para Hogwarts! Oh Ha Na 2079 08/09/2018 às 21:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 2028 08/09/2018 às 12:11:11

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Armenia Yeva Saroyan [ 17380 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Yeva Saroyan
  • Funcionário do Hospital TvH

  • Funcionário do Hospital TvH

  • NOME COMPLETO

    Yeva Hermine Saroyan

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,72m

  • PESO

    60kg

  • OLHOS

    Azul Opaco

  • CABELOS

    Castanho Opaco

  • SEXO

    Feminino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    23 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    16/09/1994

  • SIGNO

    Virgem

  • NOME DO PAI

    Desconhecido.

  • NOME DA MÃE

    Berjouhi Arevig Saroyan

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Vayots Dzor/Armenia

  • NÍVEL

Quem diria que, dentre tantas pessoas, Yeva seria a primeira a abandonar suas origens e deixar aquele lugar para trás? Nascida e criada em um dos vilarejos de Vayotz Dzor, uma província à sudeste da Armênia, Yeva Hermine Saroyan cresceu junto de sua irmã mais velha, Nazani, de sua mãe e também da avó. As quatro sempre se deram bem, ao ponto de raramente chegarem à uma discussão sem que houvesse necessidade; e, claro, nunca havia. Aquele parecia ser o mundo perfeito aos olhos da jovem Yeva, que ainda com pouca idade, demonstrou grande habilidade e conhecimento de sua própria magia, antes mesmo do que imaginavam que aconteceria.

As mulheres mais velhas, no entanto, temiam que aquilo as afastasse. A magia era quase um tabu naquele vilarejo, puramente habitado por bruxos... Ou melhor, apenas bruxas. Não se via ou ouvia falar de um único homem naquele lugar, o que tornava o medo ainda maior e a preocupação de continuar com suas tradições sem que ninguém as questionasse ou atrapalhasse de alguma forma. Contudo, era uma escolha indubitável que todas, sem exceções, fossem mandadas às escolas, para aprenderem da melhor maneira sobre o mundo bruxo, tanto quanto já aprendiam com suas famílias.

No entanto, era obrigação dessas jovens retornarem à sua casa ao fim dos estudos, que não abandonassem suas raízes mágicas como todos os outros faziam. As mulheres do vilarejo viviam como verdadeiras eremitas, temerosas de perderem seus vínculos com a natureza e tudo o que dela haviam retirado para dar continuidade às suas tradições. Yeva agiu como era esperado de qualquer outra. Após encerrar seu tempo de aprendizado em Beauxbatons, voltou à sua casa apenas para descobrir que, Nazani, a irmã mais velha, seguira os passos de sua mãe, assim como esta havia feito com sua avó.

Nazani estava grávida. Não demorou muito para que a criança viesse ao mundo e, ao descobrirem ser um menino, não havia outro jeito que não entregá-lo à seu pai, para que o criasse como se fosse um milagre dado pelos céus, porque era desta forma que as bruxas os faziam acreditar. Yeva tinha para si que era a maneira errada de agir, que os costumes deveriam ser esquecidos o quanto antes para não prejudicar a mais ninguém, pois o que aquela mulheres faziam era, nada mais, nada menos do que pura libertinagem.

Algumas noites após ter adoecido, a avó de Yeva veio a falecer. Foi naquele momento que se decidira, de uma vez por todas, cortar todo e qualquer vínculo que tinha com sua família, ou o que restara dela ao menos, antes que fosse tarde demais para que conseguisse fugir do que suas raízes a obrigavam a fazer. Preferia conhecer o mundo e seus diversos costumes do que continuar presa naquele lugar que apenas a iludira com a proposta de ser o mundo perfeito para si. Queria, finalmente, poder decidir o que fazer sem ter de dar importância aos costumes baratos de mulheres de hábitos profanos.


[Bicho Papão] - Maior Medo: Tornar-se alguém como sua mãe ou irmã.

Este perfil já foi visualizado 137 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 06/05/2019 às 05:48:06