Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Felicidade Jian-Yin Lee 1783 23/05/2020 às 22:05:02
Recomeço Jian-Yin Lee 4141 13/03/2020 às 16:50:15
22/02/2020 Duncan Cullen 4552 22/02/2020 às 15:27:50
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 8489 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 7975 22/11/2018 às 18:19:24

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Grecia Ariane Pembroke [ 17479 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Ariane Pembroke
  • Mundo Mágico

  • Mundo Mágico

  • NOME COMPLETO

    Ariane Pembroke

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,80m

  • PESO

    68kg

  • OLHOS

    Verde Claro

  • CABELOS

    Preto Intenso

  • SEXO

    Feminino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Homossexual

  • IDADE

    23 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    03/01/1996

  • SIGNO

    Capricórnio

  • NOME DO PAI

    Desconhecido

  • NOME DA MÃE

    Samira Pembroke

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Mestiço

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Ilha de Creta/Grécia

  • RELACIONAMENTO

    Viúvo (a)

  • NÍVEL

A origem da dinastia Pembroke é cercada de mistérios. Dizem partilhar raízes com sacerdotisas remanescentes da Grécia antiga, residentes dos templos divinos antes encontrados no arquipélago da ilha de Creta. Advindas de uma linhagem puramente bruxa onde apenas mulheres abonam o dom da magia, consoante os princípios do misticismo, as más línguas ainda contam que as feiticeiras dessa congregação são amaldiçoadas, carregando em comum o mesmo destino de Aracne na mitologia arcaica.


Reza a lenda que Aracne era uma grande tecelã cuja habilidade de fiar acabou atraindo a atenção de Atena, matrona divina da sabedoria e das artes. Após ser desafiada em uma competição e perder, furiosa, a divindade rogou uma praga sobre Aracne, a transformando em uma abominável criatura para que seu trabalho com a tecelagem nunca mais tivesse fim. Aracne então seria uma ancestral distante da família, cuja imagem está associada ao brasão – uma aranha negra pendendo de uma teia de sangue sobre um fundo dourado.


O mito, no entanto, tem suas meias verdades, e foi na maldição presente em seu sangue que as bruxas Pembroke encontraram o orgulho. Ariane, assim como todas as outras que a precederam na árvore genealógica, em sua juventude foi considerada uma feiticeira promissora; inteligente, talentosa e de uma beleza notável, adquiriu grande fama devido a afinidade com o ramo da transfiguração. Passou anos de sua vida pesquisando uma cura que pudesse por fim ao próprio tormento – e o de sua família. Categorizadas, segundo especialistas, como subseres, as Pembroke dividiam a temida titulação de maledictus, sendo capazes de se transformar em uma monstruosa aranha quando bem entendessem, porém, fadadas a permanecerem presas na forma aracnídea em um determinado momento de suas vidas para todo o sempre.


À margem da sociedade bruxa, com residência fixa localizada em Creta, vivem um estilo de vida incomum e pouco conhecido – cômodos sombrios pouco arejados e repletos de teia por todos os cantos. O palacete subterrâneo familiar é protegido com fortes encantamentos, possibilitando que, apesar do terrível futuro, as mulheres da casa possam desfrutar de algum tipo de normalidade. Ariane, porém, nunca se contentou em se deixar levar pela sorte, principalmente quando sua querida mãe, a quem tanto teve apego, faleceu, consumida por uma enfermidade. Após meses de luto, solidão e muitos estudos, teve conhecimento de um local abençoado por deusas e regido por suas graças, pontuado no sul da França.


Apesar de ser cética em vários aspectos, e conhecer Beauxbatons apenas em livros, a bruxa teve a certeza de que ali poderia encontrar as respostas que tanto buscava. Recorreu a alguns contatos importantes e assegurou um encontro com a figura de maior importância na academia sob a premissa de ocupar um lugar à mesa do corpo administrativo. Mesmo que preenchesse os requisitos, exibindo determinação e confiança capazes de manter o posto de inspetora – cargo apontado – e capacidade para organizar ideias e sugerir inovações, sua real intenção é suplicar as entidades que cercam Beauxbatons. Esperançosa de que possa ser possível de se libertar da maldição, Ariane mais do que nunca está pronta para uma nova história – mesmo que isso custe sua vida.





Este perfil já foi visualizado 395 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 18/04/2020 às 23:20:24