Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Ano 2 Sophie Agger Karhila 303 16/01/2021 às 17:17:16
Ano 1 Sophie Agger Karhila 275 16/01/2021 às 17:14:25
xxxxxxxxxxxxx Viviane LeFay 364 13/01/2021 às 16:47:07
O Anjo Viviane LeFay 367 13/01/2021 às 16:42:40
Viviane & Kiefer Viviane LeFay 347 13/01/2021 às 16:34:25

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Alemanha Flynn Holf Falkenberg [ 17768 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Flynn Holf Falkenberg
  • Mundo Mágico
  • Mundo Mágico

  • NOME COMPLETO

    Flynn Holf Falkenberg

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,30m

  • PESO

    29kg

  • OLHOS

    Azul Claro

  • CABELOS

    Castanho Escuro

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    8 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    05/03/2011

  • SIGNO

    Peixes

  • NOME DO PAI

    Edgar Falkenberg

  • NOME DA MÃE

    Marie Holf Stein

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Mundo Mágico

  • CIDADE/PAÍS

    Hamburgo/Alemanha

  • NÍVEL

Os filhos da família Falkenberg mudou-se de sua cidade natal para Liechtenstein, porém apenas as crianças. Flynn com seus atuais 6 anos e Heide completando 19.

Ainda muito novo, Flynn não possuía memória suficiente sobre os pais ou o que levou a mudança de ambos, em determinado momento Heide se tornara a referência de 'mãe' para o menino mesmo que a irmã fizesse questão de lhe contar sobre os pais e histórias de viagens que procederam antes da mudança e reforçasse o discurso que em breve ambos voltariam e que estariam sempre ocupados com o trabalho super importante como aurores.

Por vezes via uma sombra no olhar da irmã sempre que Flynn lhe perguntava algo sobre o passado com os pais, cujo qual não recordava, acreditando fielmente em cada palavra da irmã, mas em sua tenra idade era difícil para o garoto entender ou assimilar esses pequenos gestos e nutrir qualquer sentimento de revolta pelo possível 'abandono' como bem parecia, tendo ao seu lado a inocência como parceira.

Esporadicamente Flynn recebia presentes e cartões dos pais em datas comemorativas e assim que passou a ler e escrever pode enviar suas próprias cartas sendo respondido sempre com certa demora pela coruja da mãe, onde por fim lhe rendera uma enorme coleção de bonecos e gibis em seu quarto, além de vários jogos de tabuleiros como se a própria irmã tivesse dado dica do que seus pais deveriam lhe comprar.

Um mundo de faz de conta, um universo de guerreiros, paladinos e magos rodeavam a mente do menino, alimentados pelas narrativas a cada vez que se reunia com os amigos para jogar e vez ou outra vindo atona sempre que se encontravam com outra turma que morava no quarteirão vizinho, trazendo assim para a vida real toda rivalidade sanguinária (?) da disputa entre reinos, ou melhor dizendo rua, tendo cada qual seu próprio QG defendido a unhas e dentes (além de pedras e vez ou outra alguns socos e pontapés) sendo o de Flynn a casa na árvore que havia sido construída a muitos anos em uma árvore qualquer no parque que havia naquela rua próximo de suas casas, cujo poucos móveis feitos de almofadas velhas e caixotes de madeira se tornavam testemunhas das aventuras vividas pelo pequeno grupo fosse ali nos tabuleiros ou no dia a dia naquelas cabecinhas férteis.



Este perfil já foi visualizado 40 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 11/11/2020 às 22:13:35