Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 3263 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 2731 22/11/2018 às 18:19:24
É LUFA - LUFA!! Oh Ha Na 3821 08/09/2018 às 18:24:13
Indo para Hogwarts! Oh Ha Na 2924 08/09/2018 às 18:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 2855 08/09/2018 às 09:11:11

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Alemanha Michaella S. Kischel [ 5737 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Michaella S. Kischel
  • 4° Ano Gryffindor
  • 4° Ano Gryffindor

  • NOME COMPLETO

    Michaella Strauss Kischel

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    160m

  • PESO

    50kg

  • OLHOS

    Castanho Claro

  • CABELOS

    Castanho Escuro

  • SEXO

    Feminino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    15 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    11/05/2002

  • SIGNO

    Touro

  • NOME DO PAI

    Pai: Werner Kischel

  • NOME DA MÃE

    Mae: Lye Strauss Kischel

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Hogwarts

  • CIDADE/PAÍS

    Frankfurt/Alemanha

  • NÍVEL

O começo de uma vida é algo divino, mágico. Ali naquele ambiente tranqüilo do hospital o bebê rosado caminha rumo a uma jornada de amor, carinho e atenção. Bom é o que se espera de um nascimento, entretanto se buscam clichês erraram de história. Estamos falando de Michaella Strauss Kischel, Mais conhecida por Micky. Sua vida é um turbilhão de acontecimentos mexidos e remexidos por um tornado devastador. Seu próprio nascimento retrata bem como seria sua vida dali pra frente. Eram madrugada mais precisamente as três e quarenta e sete da manha, uma mulher bêbada vomitava embaixo da mesa em que Lye dava a luz a uma pequena garotinha. Por causa da briga de instantes antes a policia local chegou levando a mulher e a recém nascida para o hospital. Infelizmente naquela mesma noite a mulher morreu deixando a pequena Micky a mercê da sorte. Criada por seu pai, Werner, dono de uma casa noturna na agitada Frankfurt (casa noturna para não dizer cabaré e cassino) a moreninha cresceu trocando o dia pela noite. Aprendendo com as “Tias” do “restaurante” do papai quais eram as melhores bebidas, como enganar o cliente para que este lhe dê uma gorjeta maior, e coisas do tipo. Mas sua especialidade era o poker, aprendido desde sempre já ganhava considerável montante de dinheiro antes mesmo de saber pronunciar ROYAL FLUSH. Apesar do baixo calão em que sempre viveu, era rodeada de luxo e pobreza dependendo única e exclusivamente do tempo em que seu maravilhoso pai conseguia manter-se sóbrio e administrar o cabaré adequadamente. Aos 6 anos enquanto arrumava o sótão encontrou um baú com objetos, anotações e fotos antigas de sua mãe. Nela a pequena garota descobriu que nem sempre seus pais viveram na loucura da cidade grande e que em uma pequena vila tinha parentes. Avôs, tios e até um primo. Na época achou absurda a idéia de ter uma família e de ser dotada com poderes mágicos (segundo as anotações e fotos que se moviam), entretanto em seu intimo passou a manter um desejo. Reencontrar a mulher que aparece em uma antiga foto com Lye, essa mulher é a sua única esperanças de ter uma vida em família “normal” já que é sua tia e segundo o precário testamento de sua mãe detentora da guarda da menina. Mal sabe ela que seu maior desejo, ter uma família normal, não pode se realizar já que sai tia, Eva, morreu há oito anos. Ou quem sabe poderia já que por obra do destino a garota acabou na mesma instituição de ensino que seu primo.



Este perfil já foi visualizado 1.379 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 02/08/2018 às 11:26:25