Dados Básicos do Fórum:

Na Zonko's não citamos nenhum dos personagens dos livros ou filmes. Vivemos no mundo mágico, mas nem Harry Potter, Voldemort, Dumbledore, Comensais da Morte e etc. existiram em nosso mundo, com isso você não pode usar nenhum sobrenome dos personagens dos filmes ou livros. O fórum encontra-se nos dias atuais, no ano de 2013 d.c. e as condições climáticas variam de dia para dia e de tópico para tópico, conforme você poderá observar. O nosso período letivo dura oito meses contando com as férias. Nossos adultos recebem por dia de presença e seus tópicos em ON lhe renderão pontos e goldens (nossa moeda). Você nunca poderá interpretar a ação de outro personagem (salvo com autorização), mas poderá interpretar livremente o seu personagem (seja sempre coerente), lembrando que toda ação possui uma reação. A capital do Mundo mágico está localizada em Vaduz, Liechtenstein.

Últimas publicações do Livro Vermelho:

Título Autor Visitas Data
Diário do Josh - Últimos dias antes da escola. Joshua P. A. Nolan 3261 17/01/2019 às 11:12:01
Chegada à Durmstrang Mihail Weylin 2729 22/11/2018 às 18:19:24
É LUFA - LUFA!! Oh Ha Na 3819 08/09/2018 às 18:24:13
Indo para Hogwarts! Oh Ha Na 2921 08/09/2018 às 18:20:17
A súcubo do Apocalipse Lilith Ambrew 2851 08/09/2018 às 09:11:11

Central de Ajuda Zonko's:



Entre em contato por: [email protected]

Inglaterra Andrew Matthews [ 6967 ]

Situação Atual: CADASTRO NORMAL E ATIVO

  • Andrew Matthews
  • 1° Ano Ravenclaw
  • 1° Ano Ravenclaw

  • NOME COMPLETO

    Andrew Olliver Matthews

  • RAÇA

    Humana

  • CLASSE

    Mágica

  • ALTURA

    1,65m

  • PESO

    60kg

  • OLHOS

    Castanho Claro

  • CABELOS

    Preto Claro

  • SEXO

    Masculino

  • OPÇÃO SEXUAL

    Heterossexual

  • IDADE

    10 anos

  • DATA DE NASCIMENTO

    13/06/1999

  • SIGNO

    Gêmeos

  • NOME DO PAI

    Gael York Matthews

  • NOME DA MÃE

    Charlotte Olliver

  • ORIGEM SANGUÍNEA

    Sangue Puro

  • LOCALIDADE

    Hogwarts

  • CIDADE/PAÍS

    Londres/Inglaterra

  • NÍVEL

  • Animal de Estimação Animal de Estimação:

    Uma coruja das montanhas.

  • Feitiços Aprendidos Feitiços Aprendidos por este Personagem:

    Um total de 10 magias...

  • Inventário Total de Itens no Inventário:

    1 diferentes itens


    • 1 un de Varinha de Pilriteiro, 26cm, Pena de Fênix, Meio Mole
  • Dados do Jogador Dados do Jogador:

    Gustavo Fernandes De Oliveira

  • Ajuda

    Abaixo você confere alguns links para tutoriais e textos importantes que vão te ajudar a entender melhor o funcionamento do nosso jogo!

    Em caso de dúvidas procure alguém da Staff ou algum jogador mais antigo para lhe auxiliar.


Bom, como diz aqui tenho que contar a minha história, mas peço que não fiquem bravos se eu não a contá-la tão bem, sou meio ruim para contar histórias e piadas, o que, podem ter certeza, não é de família. Bom, vamos lá. Tudo começou quando eu nasci, um belíssimo bebê, é claro, lindo até hoje, forte, saudável e inteligente. Minha mãe, Charlotte ficou super feliz por ter tido um outro filho homem, assim ia manter o nome da família vivo. Meu pai, Gael, ficou mais do que feliz, fez festa durante um final de semana inteiro, pelo menos é o que ele fala. Meu irmão, Tyller também ficou feliz, afinal de contas ele ia ter em quem descontar toda a raiva. Quando eu nasci meu irmão tinha dez anos e ainda tinha a face parecendo uma bunda de nenê, hoje já parece couro de dragão, de tanta barba que ele tem.

Minha família por parte de pai era unida, até demais, mas por parte de mãe não se tinha contato e se tinha era por que alguém foi dessa para a melhor. Cresci muito alegre com a minha família, papai trabalhava para o Ministério era do Departamento de Jogos e Esportes Mágicos e trabalha até hoje, enquanto mamãe ficava em casa para cuidar dos dois filhos. De vez em quando o nosso primo, Gerrard, aparecia para brincarmos e acho que ele sofria de algum problema, ele era meio hiperativo e para ser sincero é até hoje. Eu gostava muito do meu tio, pai do Gerrard, o tio Leonard, era super engraçado e adorava aprontar alguma peça, parando para pensar agora, acho que eu estou começando a entender para quem o Gerrard puxo. A parte que eu mais gosto da minha história são os almoços que tinha em família, era muito divertido rir com todo mundo e sair brincando com Gerrard e Tyller.

Como toda criança, eu era iludido da vida, achando que a felicidade não se abalava, que se estava tudo bem, ia continuar tudo bem. Como eu estava enganado. Como era o caçula, era apegado em meu avô, ele sempre me pegava e me colocava em seu colo e me contava histórias sobre grandes bruxos, que sempre conseguiam sair da situação de uma forma impressionante. Eu tinha 6 anos quando ele morreu, como disse antes, foi dessa para melhor. Ele morreu por conta da idade, já era a sua hora e eu me lembro muito bem que esse dia foi o mais triste da minha vida. Vi meu pai chorar pela primeira vez, meu irmão ficou muito calado, sentado a um canto olhando para o pôr do sol, como se ali se passasse o filme de toda a vida do meu avô. Aquilo tudo me deixou mais triste, sabia que ia sentir muita falta de tudo que ele fazia, do jeito dele de ser e então desatei a chorar. Mas nunca vou me esquecer de quem, ao me ver chorar, chegou do meu lado e passou um braço pelos meus ombros, como forma de me consolar: Gerrard. Eu já gostava dele, muito, mas depois daquilo ele se tornou um irmão.

Depois daquilo a família meio que se deu uma afastada, já não era mais tão comum um almoçar na casa do outro, mas a amizade entre eu, Gerrard e Tyller não mudou nada. Gerrard entrou para Hogwarts e foi selecionado para a Corvinal, assim como Tyller e acho que toda a nossa família. Se vocês estiverem interessados em saber sobre isso, façam uma pesquisa sobre a minha árvore genealógica em Hogwarts, pois agora não estou afim de fazer uma redação sobre esse assunto. Bom, continuando a minha breve história, depois de ver Tyller e Gerrard em Hogwarts, não aguentava mais esperar para chegar a minha vez. Estava em casa, já com onze anos completados, quando uma coruja das montanhas muito bonita entrou voando pela cozinha e largou a carta em cima de minha cabeça. A parte que eu mais me diverti disso tudo foi comprar os materiais no Beco Diagonal, principalmente a minha varinha. Fiquei ainda mais ansioso esperando para embarcar, que foi uma viagem maravilhosa, comi tudo o que tinha direito quando uma mulher gorducha passo vendendo em um carrinho os mais diversos doces. Mas agora a minha história já não pode mais ser contada por aqui, por que ela vai ser fragmentada e se entrelaçar com a história de outras pessoas, montando uma história universal, uma história cheia de mistério, comédia, amizade, amor e acima de tudo, aventura.

Este perfil já foi visualizado 479 vezes. Atualizado pela ultima vez em: 11/05/2012 às 15:24:02